Góis recebe a nata do Enduro Europeu

A nova época do Campeonato Europeu de Enduro começa este fim‑de‑semana na vila beirã de Góis. A 40 quilómetros de Coimbra a vila banhada pelo rio Ceira e o Góis Moto Clube prepararam ao pormenor a recepção dos pilotos.

(auto.look2010@gmail.com)

A “máquina” do Góis Moto Clube foi “vista e revista” e está operacional para o arranque do Campeonato Europeu de Enduro. Os pilotos presentes na jovial vila de Góis vão enfrentar um percurso com cerca de 60 quilómetros que terão que ultrapassar por três vezes em cada um dos dois dias de competição.

Neste percurso estão disponibilizadas três especiais, nomeadamente a “Cross-Test” na Carvalhinha e as duas “Enduro-Test” na Quinta da Capela e em Celavisa, sendo a sede do Góis Moto Clube, no Parque do Baíão, o centro nevrálgico do evento, onde além do secretariado estará instalado o “paddock”, a zona de verificações técnicas e o parque-fechado.

Quase uma centena de pilotos oriundos de 14 nações confirmaram a presença na prova, e entre estes, uma imensa caravana nórdica marca presença em Góis, com pilotos oriundos da Finlândia e Suécia. Com 25 pilotos a classe Júnior – destinada a pilotos com menos de 21 anos de idade e aos comandos de máquinas com motor 125cc a dois-tempos – é a mais representativa, algo que já não é uma surpresa num campeonato onde os jovens tentam “dar nas vistas”, como sucedeu com o finlandês Roni Kytönen, agora na classe Júnior para os pilotos com idade até aos 23 anos.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação