Acelerar para diminuir mortos nas estradas

O ministro da Administração Interna destacou esta segunda-feira a redução de vítimas mortais em acidentes rodoviários durante a operação de Natal e Ano Novo, considerando que é fundamental «continuar com este esforço de diminuição de mortos nas estradas».

(auto.look2010@gmail.com)

Os indicadores destes primeiros dias, que vêm desde a semana anterior ao Natal até domingo apontam para dados que não nos podem alegrar, mas que correspondem a 57% menos de vítimas mortais relativamente ao ocorrido no último ano e consolidam uma tendência de redução significativa das vítimas mortais ao longo do ano de 2019», disse aos jornalistas Eduardo Cabrita enquanto acompanhava uma operação de fiscalização da PSP no IC19, que liga Lisboa a Sintra, no âmbito da operação de “Natal e Ano Novo”.

A PSP registou, entre 18 e 29 de Dezembro, 1.832 acidentes que provocaram três mortos e nove feridos graves. A GNR registou nove mortos e 38 feridos graves nos mais de 2.260 acidentes verificados desde 20 de Dezembro até às 7h00 de hoje, no âmbito da operação “Natal e Ano Novo”.

No total, registaram-se 12 vítimas mortais, correspondendo, segundo o ministro, a uma redução para mais de metade em relação ao mesmo período de 2018. Eduardo Cabrita sustentou que ‘não se pode ficar satisfeito» com estes números, devendo-se em 2020 «estabelecer padrões que permitam ainda mais melhorar».

«É fundamental que não abrandemos este esforço e que o final do ano seja marcado pelo respeito pelas regras de segurança, quer na estrada, quer de segurança de comportamento dos cidadãos nas zonas de maior afluxo de festejos» da passagem do ano, nomeadamente em Lisboa, Porto e Algarve, sublinhou.

Eduardo Cabrita apelou aos cidadãos para que adotem comportamentos de segurança e que evitem a condução sob o efeito do álcool, o excesso de velocidade, o uso do telemóvel durante a condução e as deslocações muito longas sem descanso.

Mais de 40 polícias estiveram envolvidos na operação de fiscalização ao trânsito que a PSP realizou ao longo da tarde de hoje no IC19. A Polícia de Segurança Pública vai também realizar, durante a madrugada de 1 de Janeiro, várias operações “stop” na área de Lisboa e o principal alvo vai ser a condução sob o efeito do álcool.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação