Elisabete Jacinto no seu décimo Africa Eco Race

Prova euro-africana é o maior desafio desportivo que a equipa Bio-Ritmo participa e, neste sentido, a piloto lusitana está a assegurar que todos os detalhes estão preparados para que, em Janeiro de 2019, possa fazer uma grande prova

(auto.look2010@gmail.com) – Foto: JORGE CUNHA/AIFA

A piloto Elisabete Jacinto já confirmou a sua participação pelo 10.º ano consecutivo no Africa Eco Race. As inscrições para a 11ª edição desta prova, que se realiza entre 1 e 13 de Janeiro de 2019, já encerraram e, mais uma vez, a organização promete novidades ao nível do percurso e da navegação que permitam aos concorrentes viver uma aventura única e inesquecível.

O Africa Race é o maior desafio desportivo em que a equipa Bio-Ritmo participa e, neste sentido, Elisabete Jacinto está a assegurar que todos os detalhes estão preparados para que, em Janeiro de 2019, possa fazer uma grande prova

«Esta corrida sempre foi e continua a ser o nosso grande desafio depois do Dakar ter saído de África. Pela sua grande extensão e duração põe-nos verdadeiramente à prova. Aqui, somos sempre confrontados com inúmeras dificuldades e, superá-las, apesar da exaustão física e psicológica em que sempre nos encontramos, é condição essencial para se chegar à meta e, eventualmente, conseguir um bom resultado», sublinhou a piloto.

Segundo revelou Elisabete Jacinto, «todos estes anos de experiência acumulada dão-nos alguma margem para nos sentirmos optimistas nesta nossa décima participação».

Esta grande competição africana vai partir no dia 30 de Dezembro do Principado do Mónaco e será dividida em 12 etapas cumpridas entre Marrocos, Mauritânia e Senegal. A edição de 2019 vai contar com um total de 6.022 quilómetros entre os quais 4.014 serão cumpridos ao cronómetro numa grande variedade de percursos.

Mais uma vez, o dia de descanso será realizado em Dakhla e, pelo segundo ano consecutivo, a organização vai preparar a etapa “500 milhas” que será uma maratona – jornada dividida em dois dias sem recurso à assistência mecânica – cumprida na Mauritânia.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação