Rali de Portugal de 30 de Maio a 2 de Junho em 2019

O calendário foi ratificado na reunião do Conselho Mundial da Federação Internacional do Automóvel, que decorre na cidade russa de São Petersburgo.

(auto.look2010@gmail.om)

A edição de 2019 do Vodafone Rali de Portugal foi hoje confirmada entre 30 de Maio e 2 de Junho, uma semana mais tarde do que em anos anteriores, face à entrada do Chile no Mundial. O calendário foi ratificado na reunião do Conselho Mundial da Federação Internacional do Automóvel, que decorre durante a Assembleia Geral anual daquela entidade, na cidade russa de São Petersburgo.

A prova portuguesa será a sétima de 14 rondas do Mundial de Ralis do próximo ano, que terá mais uma prova do que nos últimos anos. O Rali do Chile disputa-se de 9 a 12 de Maio, duas semanas depois da prova argentina, fazendo avançar a jornada do Automóvel Clube de Portugal uma semana.

O Conselho Mundial da FIA aprovou ainda os restantes calendários mundiais. A Fórmula 1 terá 21 provas, como este ano, mas termina uma semana mais tarde, em 1 de Dezembro, em Abu Dhabi.

Ao todo, Portugal tem 10 provas pontuáveis para eventos internacionais já confirmadas. Para além do Vodafone Rali de Portugal, a Taça do Mundo de Carros de Turismo (WTCR) regressa ao norte do país, com Vila Real a acolher Tiago Monteiro e companhia em 7 de Julho.

O Rali dos Açores, de 21 a 23 de Março, abre o Campeonato Europeu de Ralis, sendo a primeira de oito provas. Já na Taça Ibérica de Ralis, o Rali Serras de Fafe, o Rali Vinho Madeira e o Rali Casinos do Algarve são os três ralis pontuáveis.

No todo-o-terreno, a Baja de Portalegre 500 encerra a Taça do Mundo FIA de Bajas, de 24 a 26 de Outubro. No campeonato FIA Eléctrico e de Novas Energias, Oeiras volta a acolher o Eco Rally, quarta de 13 provas previstas.

A Rampa Internacional da Falperra, em Braga, de 10 a 12 de Maio, é a terceira ronda do Campeonato da Europa de Montanha. O Estoril acolhe a derradeira prova do Troféu Lurani de Fórmula Junior, nos dias 12 e 13 de Outubro.

Foi ainda confirmada a saída de Montalegre do calendário mundial de ralicrosse, para a entrada de Abu Dhabi. Nesta modalidade, também os Estados Unidos saíram. No entanto, o circuito transmontano deverá acolher uma outra prova internacional, de uma nova competição europeia, a confirmar nos próximos dias.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação