Quinze mortos na operação “Natal Tranquilo”

GNR apurou 1.360 acidentes, resultando 15 mortos, 29 feridos graves e 449 feridos ligeiros. Mais de 4.000 condutores detectados em excesso de velocidade.

(auto.look2010@gmail.com)

A operação “Natal Tranquilo” da Guarda Nacional Republicana (GNR), de tranquila não teve absolutamente nada, terminando com um balanço trágico, tendo em conta que 15 pessoas morreram nas estradas portuguesas, no período compreendido entre as 21h00 da passada sexta-feira (21 de Dezembro), e as 24h00 desta quarta-feira (26 de Dezembro).

Os dados finais apurados pela GNR, foram 1.360 acidentes, de que resultaram 15 mortos, 29 feridos graves e 449 feridos ligeiros. Mais do dobro dos mortos da operação do ano passado que durou menos um dia e recorde-se registou sete mortos. Segundo a força de segurança nacional, a operação deste ano, que durou mais um dia do que a do ano passado, foi mais negativa e trágica a todos os níveis: foram registados mais 313 acidentes rodoviários, mais 8 vítimas mortais, mais 5 feridos graves e mais 112 feridos ligeiros.

A operação contou com a participação de mais de 1.400 militares da Unidade Nacional de Trânsito e dos Comandos Territoriais e teve como objectivo, prevenir a sinistralidade rodoviária, garantir a fluidez do tráfego e apoiar todos os utentes das vias, no sentido de lhes proporcionar uma deslocação em segurança.

Durante a operação “Natal Tranquilo”, a GNR, efectuou 218 detenções e registou 6 912 infracções, destacando-se 304 por condução sob a influência do álcool, das quais, 144 com taxa crime igual ou superior a 1,2 g/l, 25 detidos por condução de veículo sem habilitação legal, 4.079 por excesso de velocidade, 408 por falta de inspecção periódica, 263 por anomalias nos sistemas de iluminação ou sinalização, 202 pela incorrecta ou não utilização do cinto de segurança ou de sistemas de retenção, 189 por utilização indevida do telemóvel durante a condução e 126 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação