Toyota Gazoo Racing SA com três Hilux no Dakar

Giniel de Villiers e Dirk von Zitzewitz formam a primeira dupla aos comandos da mais recente evolução da Hilux. Já Nasser Al Attiyah e Mathieu Baumel voltam para desafiar os limites da prova e Bernhard ten Brinke conta com Xavier Panseri como novo co-piloto.

(auto.look2010@gmail.com)

Giniel de Villiers e Dirk von Zitzewitz

Desde 2012 que a Toyota tem competido com a Hilux na mítica prova e com a mais recente evolução do modelo toda a equipa está preparada para o grande desafio. A Toyota Gazoo Racing South Africa irá alinhar novamente no Dakar 2019 com três Hilux: Giniel de Villiers e o co-piloto Dirk von Zitzewitz formam a primeira dupla, Nasser Al Attiyah e Mathieu Baumel a segunda e, por fim, Bernhard ten Brinke será acompanhado pelo novo co-piloto Xavier Panseri.

A nova Toyota Hilux conta com uma colocação mais central e baixa do motor V8, bem como uma nova geometria da suspensão, o que proporciona um centro de gravidade mais baixo. A Hilux cumpre com os mais recentes regulamentos da competição, quer no limite de curso de suspensão, quer com o restritor de ar que passou de 38 para 37mm.

Mathieu Baumel e Nasser Al-Attiyah

Em Portugal a Hilux venceu recentemente o Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno 2018 com a dupla formada por João Ramos e Victor Jesus. Refira-se que, da competição para as estradas, a Toyota Hilux possui uma vasta gama de versões de trabalho e de lazer com a robustez que a caracteriza desde a primeira geração em 1968. Apresentada em 2018, a Hilux Premium Edition é a mais recente versão da oitava geração que mantem uma presença dominante no mercado Pick-up global há mais de 50 anos.

O Dakar é o cenário ideal para demonstrar a inegável robustez e fiabilidade da Toyota Hilux e a Toyota está confiante em alcançar o pódio nesta 41.ª edição, que tem início em Lima no Peru dia 6 de Janeiro e termina novamente na capital peruana a 17 de Janeiro.

Bernhard ten Brinke

A lendária corrida visitou ao longo dos anos 29 países – três na Europa, cinco na América do Sul e 21 em África. É o segundo maior evento automobilístico do mundo, superado apenas pela Formula 1. Este ano vão competir equipas de 54 países, com 523 concorrentes já inscritos. Este número inclui 188 motos e quads; 103 automóveis; e 44 camiões. Com 1.200 horas de transmissão televisiva em 190 países, são esperados perto de 2.000 jornalistas credenciados.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação