SEAT ultrapassa 10 milhões de veículos em Martorell

Fábrica produziu 39 modelos diferentes num quarto de século e mais de 12.500 empregados a trabalhar nas instalações de Martorell.

(auto.look2010@gmail.com)

Fábrica da SEAT em Martorell

A unidade fabril da SEAT em Martorell, que celebra este ano o seu 25.° aniversário, alcançou em 2018 mais uma marca ao superar os 10 milhões de unidades produzidas. Neste quarto de século, saíram das linhas de produção da maior fábrica de automóveis de Espanha 39 modelos diferentes, desde a segunda geração do SEAT Ibiza e do primeiro SEAT Cordoba até ao SEAT Arona e Audi A1, que começou a ser fabricado há poucas semanas.

A fábrica foi inaugurada no ano de 1993 depois de um investimento de 244.500 milhões de pesetas (1.470 milhões de euros). A SEAT transferiu a produção da antiga fábrica da Zona Franca de Barcelona depois de 40 anos nessas instalações. Desde então, fabricaram-se em Martorell os principais modelos da marca, bem como os Audi Q3 e A1. A fábrica, que é a terceira maior unidade fabril do Grupo Volkswagen na Europa, converteu-se na smart factory referência na Indústria 4.0.

O veículo 10 milhões, um Arona FR 1.5 TSI que combina as cores vermelho Desire e preto Midnight, fica exposto esta semana na fábrica de Martorell, numa exposição que celebra o 25° aniversário. Este Arona foi fabricado sobre a plataforma MQB A0, que reparte com o modelo Ibiza e o recém-chegado Audi A1.

A SEAT foi a primeira marca do Grupo Volkswagen a utilizar esta plataforma que permite uma maior flexibilidade de fabrico, já que suporta diferentes modelos e tipos de carroçaria dentro do mesmo segmento, o que tornou possível que Martorell integrasse nas suas linhas três novos modelos nos últimos 18 meses.

«Desde a sua inauguração em 1993, o coração da SEAT tem-se caracterizado por estar na vanguarda da inovação. Graças ao contínuo investimento na tecnologia e à equipa humana altamente qualificada, a fábrica melhorou ano após ano na qualidade dos produtos e dos processos até conseguir converter-se no que é atualmente: a fábrica que mais automóveis produz em Espanha e uma referência na Indústria 4.0 e na digitalização», sublinhou Christian Vollmer, vice-presidente de Produção e Logística da SEAT.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação