YART demolidora nas 12 Horas do Estoril

Após 12 intensas horas de corrida, os austríacos da Yamaha YART conseguiram este sábado, no Estoril, uma importante vitória no Campeonato do Mundo de Endurance e também ascender ao segundo posto final do campeonato por troca com os rivais da FCC TSR Honda.

(auto.look2010@gmail.com)

Mais rápidos no circuito desde a chegada ao “paddock”, a tripla de pilotos de Mandy Kainz (Marvin Fritz, Karel Hanika e Niccolò Canepa) assegurou a conquista da “pole” mas no arranque para a corrida viu o motor da sua Yamaha R1 revelar-se mais “preguiçoso” e foi com recurso a alguma insistência que Marvin Fritz conseguiu “acordar” o quatro cilindros para iniciar uma corrida onde no final da primeira volta estavam na 15,ª posição.

Nos primeiros noventa minutos foram os homens da BMW Motorrad a assumir o comando das operações, sendo na frente do pelotão que Markus Reiterberger entregou a S1000RR a Peter Hickman no final do primeiro turno – sensivelmente ao minuto 50 – mas foi de curta duração a vantagem do homem especialista nas provas do “road racing” – e com várias vitórias na Ilha de Man – pois “Hicky” caiu na Parabólia Interior sensivelmente ao mundo 90 e levara a moto bávara a descer ao 20.º lugar depois de uma segunda paragem para substituir todo o conjunto traseiro depois de mais de 15 minutos na boxe para “eliminar” os resultados da queda.

Nesse momento já a YART era segunda – posição a que ascendeu no final da primeira hora de corrida – e assim os homens da esquadra austríaca assumiram o comando das operações em definitivo. Apenas nas paragens para reabastecer, trocar de pneus e pilotos a moto azul deixou estar na liderança e no caminho para a vitória nem mesmo dois poisa-pés partidos arredaram a equipa da R1 da liderança, mesmo se no final tiveram que se empenhar de forma mais intensa para segurar o ataque da FCC TSR Honda que queria vencer para conquistar o segundo posto no campeonato.

Isso não veio a acontecer e com 421 voltas realizadas aos 4182 metros do circuito os pilotos da YART – que ‘jogaram’ no momento certo dois turnos de Hanika – venceram com 24 segundos e meio de vantagem sobre a Honda, que perdeu a corrida e a segunda posição num campeonato conquistado pela equipa oficial da Suzuki (SERT), os quartos atrás dos polacos da Wójcik Racing Team, equipa onde esteve o português Sheridan Morais que assim fechou o ano da melhor forma.

A Kawasaki – com uma queda já no período da tarde que os fez perder muito tempo – disse no momento o adeus em definitivo ao pódio e fechou mesmo atrás dos pilotos da CRD Igol Pierret Experience mas na frente dos homens da BMW que após a queda na fase inicial encetou uma recuperação que os levou ao sétimo posto final na frente da Moto AIN, a vencedora entre as Stock na prova e no campeonato.

Pelo caminho ficaram os homens da Bolliger, naquela que foi a última corrida de Hanspeter “Hampu” Bolliger, o patrão da equipa, que se despediu do controle activo da formação suíça após 45 anos de corrida e 38 de dedicação ao endurance, depois de uma sessão de quedas (3) em curto espaço de tempo que deixaram a ZX10RR “fora de combate”, o mesmo se passado com a National Motos, a Pitlane Endurance, lote de abandonos onde se integrou igualmente a Ducati da ERC-Endurance, que fez apenas cinco voltas no arranque da corrida antes de um problema técnico sem resolução no local deixar os elementos da equipa com algumas lágrimas no rosto perante o abandono inesperado.

Na contabilidade do campeonato aqui encerrado, e cujos pódios se realizaram já com a noite instalada no traçado – tal como as derradeiras voltas de corrida – foi a Suzuki oficial (SERT) que subiu pela 16.ª vez ao degrau mais alto do campeonato, Etienne Masson, Greg Black e Xavier Simeon, o primeiro desde 2016 e o primeiro com Damien Saulnier, o novo”’team-manager” da equipa, a liderar a estrutura. Nas Stock venceu a equipa da Moto AIN, naquele que foi o segundo título da formação onde estiveram Roberto Rolfo, Robin Mulhauser e Hugo Clère, garantido logo aquando da pontuação extra após a oitava hora de corrida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: