Yann Ehrlacher: à grande e à francesa

Piloto português Tiago Monteiro (Honda Civic) perdeu posições que teve de recuperar ao longo da corrida, tendo fechado o lote dos 10 primeiros.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Apesar de largar da “pole position” para a segunda corrida, por o belga Gilles Magnus (Audi RS3 LMS) ter visto os seus tempos anulados, devido ao facto de ter excedido os limites da pista, o húngaro Bence Boldizs (Cupra Leon) não resistiu aos arranques dos franceses Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03) e Yvan Muller (Lynk & Co 03), que controlaram a corrida, com o segundo a servir de guarda-costas ao primeiro.

 

O pódio acabaria por ser monopolizado pelos pilotos franceses, com Jean-Karl Verney (Alfa Romeo Giulietta) a perder a oportunidade de chegar ao segundo lugar, quando deixou Yvan Muller ganhar demasiada vantagem, quando o “Safety Car” saiu, após o “toque” do holandês Tom Coronel (Audi RS 3 LMS), penalizado com uma passagem pela via das “boxes”, no alemão Luca Engstler (Hyundai i30 N), cujo carro embateu, de forma violenta, nos “rails”, tendo a corrida sido neutralizada para a sua remoção.

O começo foi funesto para os pilotos da Honda, envolvidos numa confusão, na terceira curva, com o argentino Nestor Girolami (Honda Civic) a ser obrigado a renunciar, enquanto o seu compatriota Esteban Guerrieri (Honda Civic), o húngaro Atilla Tassi (Honda Civic) e o português Tiago Monteiro (Honda Civic) perdiam posições, que tiveram de recuperar, ao longo da corrida, tendo terminado por esta ordem, ao fechar o lote dos 10 primeiros.

Classificação – 1.º, Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03), 14 voltas (61,294 km), em 29’04,903” (138,0 km/h); 2,º, Yvan Muller (Lynk & Co 03), a 1,496”; 3.º, Jean-Karl Verney (Alfa Romeo Giulietta), a 2,128; 4.º, Santiago Urrutia (Lynk & Co 03), a 2,773”; 5.º, Nathanael Berthon (Audi RS3 LMS), a 4,786”; 6.º, Norbert Michelisz (Hyundai i30 N), a 4,935”; 7.º, Bence Boldizs (Cupra Leon, a 6,247”; 8.º, Esteban Guerrieri (Honda Civic), a 6,657; 9.º, Atilla Tassi (Honda Civic), a 6,992”; 10º, Tiago Monteiro (Honda Civic), a 7,676”. Classificaram-se mais nove pilotos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: