Vítor Silva tomou posse para segundo mandato

Decorreu esta terça-feira, no piso superior das instalações do Clube Automóvel do Centro e perante uma boa plateia, a cerimónia da tomada e posse dos novos órgãos sociais do clube sedeado em Coimbra, eleitos para o biénio 2021/2023.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

Vítor Silva tomou posse para segundo mandato como presidente da Direcção

Vítor Oliveira Silva tomou esta terça-feira posse para um segundo mandato como presidente do Clube Automóvel do Centro, numa cerimónia que contou com a presença de alguns associados que testemunharam o momento que assinala «um novo ciclo, porque vivemos tempos de mudança».

Reeleito nas eleições presidenciais de 28 de Outubro com 53 votos a favor, quatro votos brancos e dois nulos, Vítor Silva, após a assinatura de posse de quase todos os elementos que integram os órgãos sociais, usou da palavra para saudar os sócios presentes, apelando à unidade.

Na primeira intervenção do seu segundo mandato, o presidente reeleito deu a primazia a João Carlos Miranda, vice-presidente para a área administrativa, a fim de ler um documento, começando por sublinhar que o Clube Automóvel do Centro (CAC) vive «tempos de mudança constante na sociedade, mudança nas decisões de quem tem o poder de decidir – o que é verdade hoje, amanhã já não o é».

Rogério Tavares é o novo presidente da Assembleia-Geral

«O CAC tem que se adaptar a estas mudanças sob pena de ficar para trás. Temos uma direcção renovada, com novas ideias, projectos e soluções para os problemas que diariamente enfrentamos. Este clube tem vivido momentos difíceis, mas a persistência dos seus sócios e órgãos directivos têm conseguido ultrapassar essas dificuldades», destacou Carlos Miranda.

De acordo com a exposição, o vice-presidente para a área desportiva vincou que «somos sempre poucos, por isso contamos com todos». «Com todos aqueles que queiram acompanhar estas mudanças necessárias ao futuro e à sobrevivência do clube neste mundo altamente competitivo, onde só os mais preparados e capazes têm lugar», acrescentou o dirigente.

«A activa participação dos sócios e colaboradores tem que ser real, independentemente de quem está nos órgãos sociais. Todos temos que perceber que estamos a ajudar o clube, pois as pessoas que o dirigem estão de passagem e não são imprescindíveis, nem insubstituíveis. São colaboradores que pensam ter as melhores soluções para os problemas deste clube», sustentou João Carlos Miranda.

José Cortez Soares Magalhães (terceiro a contar da esquerda) é o nono presidente do Conselho Fiscal

Para este responsável, «nenhum de nós é profissional, ma a nossa atitude e disponibilidade tem que o ser e será certamente». «A reorganização administrativa e desportiva do Clube Automóvel do Centro é um imperativo. Não podemos trabalhar como temos feito até aqui. A comunicação com os sócios vai ser pedra de toque», afiançou.

Esta Direcção, «em estreita colaboração com a mesa da Assembleia-Geral e com o Conselho Fiscal, está empenhada em tornar este clube uma referência, tanto localmente, como a nível nacional», refere João Carlos Miranda na leitura do documento.

Antes de terminar, o dirigente dirigiu-se aos assocados para «pedir, mais uma vez, que colaborem e, se cada um trouxer um amigo, então o Clube Automóvel do Centro será ainda maior e melhor». «Brevemente daremos notícias das nossas actividades e projectos para 2022. Acompanhem a vida d clube no site e no Facebook, por enquanto, pois queremos estar presentes em mais redes sociais», sublinhou João Carlos Miranda, agradecendo a presença de todos.

ASSEMBLEIA-GERAL

Presidente: Rogério Almeida Tavares

Secretário: José Ferreira Rolo

Vogal: Fernando Jorge D. Monteiro

Suplente: José A. Moura Távora

DIRECÇÃO

Presidente: Vítor Oliveira Silva

Vice-presidente Administrativo: João Carlos Miranda Silva

Vice-presidente Desportivo: Rui Pedro L. Pereira

Secretário: Fernando Jorge Oliveira

Tesoureiro: António José V. M. Ledo

1.º Vogal: Francisco José B. Vasconcelos

2.º Vogal: Marcolino Carvalho Santos

1.º Suplente: Lídia Maria Lobo

2.º Suplente: Bruno J. Antunes

CONSELHO FISCAL

Presidente: José Cortez Soares Magalhães

Relator: António Miguel L. D. Tejo

Vogal: João António Gomes Cordeiro

ASSEMBLEIA CONSULTIVA

Armando Fidalgo

Pedro Banaco

José Manuel Leal Barreto

Luís Santos

Jorge Conde

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *