Vítor Silva no leme do Clube Automóvel do Centro

Candidato da Lista B ganhou ao candidato da Lista A nas eleições para o clube sediado em Coimbra. Vítor Silva teve mais um voto do que Frederico Luís e vai suceder a Luís Santos no leme do Clube Automóvel do Centro.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

No desporto, como na política, por um se ganha, por um se perde. Por vezes, durante o dia, a vitória é uma certeza mas, à noite, já em contagem decrescente e com os votos cotados, a derrota transporta muita tristeza. É assim no desporto, como na política, em que por um se ganha, por um se perde.

Que o diga Frederico Luís e Vítor Silva, dois associados que se apresentaram para liderar os destinos do Clube Automóvel do Centro. O primeiro apresentou argumentos e uma equipa intencionada disposta a vencer distribuída pela Lista A e, o segundo, que já se tinha sentado na “cadeira de sonho”, reuniu um grupo também disponível e determinado a conquistar as eleições pela Lista B.

Há dias em que se perde oportunidades, mas também há noites em que se ganha consistências. No final do escrutínio e depois de muitas “aventuras e peripécias” pelo meio, com as duas listas candidatas a patentear argumentos somente nas redes sociais, sem direito a “comícios” ou a debater ideias num frente a frente na sede social, a vitória sorriu a uma das listas separada por um voto.

Se para uns o ambiente revelou-se tenso e bastante sombrio, para outros, a atmosfera virou um jardim de encantos e mil e de cores múltiplas. São assim os actos eleitorais e, contra muitos prognósticos, a Lista B, encabeçada por Vítor Silva, venceu por um escasso voto, suficiente para regressar à “cadeira de sonho”.

O candidato da Lista B foi o que reuniu mais votos dos sócios. Consegui um total de 54 votos contra os 53 da Lista A, o que significa que Vítor Silva ganhou porque atraiu os votos de mais sócios. A Lista B foi a vencedora, mas todos, sem excepção, independentemente de quem venceu ou de quem perdeu, o Clube Automóvel do Centro mantém as portas abertas para que os sócios em geral possam discutir ideais no sentido de o levar aos pontos mais altos organizativos. Se por um se ganha e por um se perde, agora é a altura ideal para que todos se unam em prol do Clube Automóvel do Centro, uma referência no panorama nacional com mais de meio século de existência.

«Este é o momento para celebrar e olhar o futuro com esperança, com dedicação e valor porque, a grande conquista será o resultado de pequenas vitórias que tentaremos com que as mesmas não passem despercebidas pelos associados, ao longo deste futuro mandato», disse Vítor Silva após o resultado eleitoral.
«Só me resta agradecer de uma forma generalizada aos associados do Clube Automóvel do Centro, felicitar a Lista A, dar os parabéns a todos os que exerceram o seu direito de voto, independentemente da lista em que votaram e aos sócios que compunham a Lista B. Um muito obrigado pelo trabalho desenvolvido para esta vitória. Contamos com todos, porque o Clube Automóvel do Centro é dos seus sócios», sublinhou o novo presidente do clube de Coimbra.

LISTA VENCEDORA

MESA DA ASSEMBLEIA GERAL

Presidente: Jorge F.M. Corte-Real

Secretário: José Ferreira Rolo

Vogal: José António Mouta Távora

Suplente: António Simões Pocinho

DIRECÇÃO

Presidente: Vítor Oliveira e Silva

Vice-presidente (Desportivo): Carlos Manuel Santos

Vice-presidente (Administrativo): Lídia Maria Oliveira

Secretário: André Rolo Keim

Tesoureiro: João Santos Pinto

1.º Vogal: Mário O. Antunes

2.º Vogal: António M. Morais

1.º Suplente: José Aníbal Guedes

CONCELHO FISCAL

Presidente: António Santos Silva

Relator: António Miguel Tejo

Vogal: Carlos Alberto Mesquita

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação