“Vingança” do russo Nikolay Gryazin na Letónia

Aos comandos de um Volkswagen Polo GTI R5, o piloto russo dominou de fio-a-pavio o Rali da Letónia desforrando-se quando abandonou o Rali da Polónia na sequência de um furo com a meta à vista quando estava no topo da classificação.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Traído pelos pneus, na Polónia, o russo Nikolay Gryazin (VW Polo GTi R5) “vingou-se” na Letónia, depois de comandar a prova de fio a pavio nunca dando hipótese à concorrência de colocar em causa a sua superioridade.

Segundo lugar para o irlandês Craig Breen (Hyundai i20 R5) forçado a renunciar no primeiro dia da prova polaca, para regressar no segundo em Super Rally, também ele a “vingar-se” do infortúnio na prova de abertura da temporada, com o russo Alexey Lukyanuk Citroen C3 R5) a completar o pódio e a cimentar a posição de comandante do campeonato, depois de ter triunfado na Polónia.

Destaque para o quinto lugar do norueguês Andreas Mikkelsen (Skoda Fabia Rally2 Evo) que, sem o minuto de penalização, podia ter discutido os lugares do pódio ou mesmo o triunfo, muito embora Nikolay Grayzin tenha dado sempre a sensação de ser inalcançável.

Referência, ainda, ao facto dos quatro primeiras posições serem ocupados por quatro carros de marcas diferentes, algo que não tem sido muito habitual e que é um bom indicador do equilíbrio que o campeonato poderá ter.

Os portugueses presentes concluíram a prova, com Aloisio Monteiro/Sancho Eiró (Skoda Fabia R5 Evo) a terminarem em 30.º e Hugo Magalhães, que navegou o alemão Nick Loof (Ford Fiesta Rally4), a terminar três posições atrás.

FICHA DA PROVA

Prova – Rally Liepaja

Data – 1/3 de Julho

Organizador – RA Events SIA

Estrutura – 669,05 km divididos por duas etapas: Liepaja – Liepaja (237,35 km); Liepaja – Liepaja (343,60 km)

PC – 10 (4 + 6)

Extensão das PC – 179,02 km (88,10 km + 90,92 km)

Percentagem das PC – 26,75 %

Inscritos – 61 (35 RC2, 4 RC3, 15 RC4, 5 RC5, 2 RGT)

Participantes – 60 (35 RC2, 4 RC3, 14 RC4, 5 RC5, 2 RGT)

Classificados – 50 (28 RC2, 3 RC3, 12 RC4, 5 RC5, 2 RGT)

Comandantes sucessivos

Absoluto – Nikolay Gryazin, da 1.ª à 10.ª PC

RC2 – Nikoaly Gryazin, da 1.ª à 10.ª PC

RC3 – Ken Torn, da 1.ª à 10.ª PC

RC4 – Jean-Baptiste Franceschini, na 1.ª e 2.ª PC; Sami Pajari, da 3.ª à 6.ª PC; Martins Sesks, da 7.ª à 10.ª PC

RC5 – Yigit Timur, da 1.ª à 10.ª PC

RGT – Dariusz Polonski, da 1.ª à 10.ª PC

Vencedores

Absoluto – Nikolay Gryazin/Konstantin Aleksandrov (VW Polo GTi R5)

RC2 – Nikolay Gryazin/Konstantin Aleksandrov (VW Polo GTi R5)

RC3 – Ken Torn/Kauri Pannas (Ford Fiesta Rally3)

RC4 – Martins Sesks/Renars Francis (Ford Fiesta Rally4)

RC5 – Yigir Timur/Onur Aslan (Renault Clio RSR (Rally5)

RGT – Dariusz Polonski/Lukasz Sitek (Abarth 124 Rally RGT)

CLASSIFICAÇÃO

POS. EQUIPA CARRO TEMPO
       
1.º Nikolay Gryazin/Konstantin Aleksandrov VW Polo GTi R5 1.30’50,3″
2.º Craig Breen/Paul Nagle Hyundai i20 R5 a 17,3″
3.º Alexey Lukyanuk/Alexey Arnautov Citroen C3 Rally2 a 30,9″
4.º Efern Llarena/Sara Fernandez Skoda Fabia Rally2 Evo a 56,8″
5.º Andreas Mikkelsen/Ola Floene Skoda Fabia Rally2 Evo a 1’13,3″
6.º Mikolaj Marczyk/Szymon Gospodarczyk Skoda Fabia Rally2 Evo a 1’22,2″
7.º Eerik Pietarinen/Antti Linnaketo Skoda Fabia R5 a 2’11,8″
8.º Erik Cais/Jindriska Zaková Ford Fiesta Rally2 a 2’22,5″
9.º Emilio Fernandez/Ruben Garcia Skoda Fabia Rally2 Evo a 2’41,6″
10.º Simone Tempestini/Sergiu Itu Skoda Fabia Rally2 Evo a 2’47,9”

OS MAIS RÁPIDOS

  1.º 2.º 3.º 4.º 5.º 6.º
             
Nikolay Gryazin 7 1 1 0 1 0
Andreas Mikkelsen 2 3 2 2 1 0
Alexey Lukyanul 2 1 2 2 0 2
Craig Breen 0 4 4 1 1 0
Efren Llarena 0 0 1 3 1 2
Erik Cais 0 0 0 1 0 1
Yoann Bonato 0 0 0 1 0 1
Mikolaj Marczyk 0 0 0 0 3 0
Norbert Herczig 0 0 0 0 1 1
Eerik Pietarinen 0 0 0 0 1 0
Raul Jeets 0 0 0 0 1 0
Ole Christian Veiby 0 0 0 0 0 2
Fabian Kreim 0 0 0 0 0 1

Próxima prova – Rally di Roma Capitale de 23 a 25 de Julho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *