Vieira do Minho abre as “hostilidades” no CNR

O Motor Clube de Guimarães, em parceria com a Câmara Municipal de Vieira do Minho, promove a quinta edição do Rali de Vieira do Minho pontuável para o Campeonato Norte de Ralis e 4.º Desafio Kumho Portugal, a ter lugar a 17 e 18 de Abril de 2021.

(auto.look2010@gmail.com)

Falta menos de um mês para que o Rali Viera do Minho vá apara a estrada, com os motores a voltar a rugir no Alto Minho, território a ostentar honras das emoções para os amantes da modalidade. Longa vai já a paragem, devido à situação pandémica provocada pela Covid-19, motivando que o ano de 2020 tenha ficado marcado por muitas anulações de provas, reduzindo a dimensão do Campeonato Norte de Ralis.

A prova organizada pelo Motor Cube de Guimarães volta a apostar num figurino idêntico às edições anteriores e que agradou a pilotos e ao público em geral. O programa inclui seis especiais de classificação, mas todas percorridas nos magníficos pisos de terra da classificativa que tem integrado o Vodafone Rali de Portugal. Esse traçado será dividido em duas partes, correspondendo assim às duas especiais de classificação com direito a tripla passagem em cada uma delas.

A expectativa criada em redor do Rali Viera do Minho está a ser enorme. Além de reservado ao Campeonato Norte de Ralis, que terá aqui a sua abertura, bem como ao 4.º Deafio Kumho, promovido pela ASR Tyres, permitindo a participação de viaturas que não estão incluídas mas que não pontuam para o campeonato, incluindo os R5 dentro do Grupo X5.

Conta-se, por isso, a possibilidade da participação de vários protagonistas do Campeonato de Portugal de Ralis que terão no Alto Minho a janela de oportunidade para testar em modo de competição, pouco tempos antes da realização do Rali Terras D’Aboboreira, primeira prova do Campeonato Portugal de Ralis.

No dia de sábado terão lugar as verificações documentais e técnicas, ficando a principal acção reservada para o dia de domingo. A prova decorrerá debaixo do plano de contingência estabelecido pela Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK) e das orientações emanadas da Direcção Geral de Saúde (DGS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *