Trabalho de casa permite domínio da Mercedes

Os dois pilotos da Mercedes venceram as quatro provas até agora disputadas na Fórmula 1. Vettel disse que o “domínio da Mercedes é aborrecido” mas Hamilton discorda: “Se a Ferrari cumprisse como nós…”

(auto.look2010@gmail.com)

Depois de a Ferrari ser batida, mais uma vez, pela Mercedes, Sebastien Vettel, piloto da escuderia italiana veio a terreno “atacar” a marca alemã, sublinhando que «o domínio da Mercedes é aborrecido».

Uma ideia que não é partilhada por Lewis Hamilton, vice-líder do campeonato, com menos um ponto que Bottas, seu colega de equipa: «A Ferrari dominou os ritmos nas qualificações. Se ambos os pilotos tivessem cumprido como nós fizemos, a nossa tarefa teria sido muito mais apertada», reagiu o piloto britânico.

Tanto como Leclerc estiveram muito rápidos nos treinos no Grande Prémio do Azerbaijão mas viria a ser Bottas a conseguir a “pole position”, batendo o seu colega de equipa por 59 milésimos. Na corrida, Vettel foi 3.º, Charles Leclerc, acabou em 5.º, mas os pilotos da Ferrari nunca incomodaram a vitória da Mercedes, que conseguiu mais uma dobradinha, com Bottas a ficar à frente de Hamilton, tal como tinha acontecido na Austrália. O britânico venceu na China e no Bahrain.

A Ferrari, que partia como favorita graças à maior potência disponível em rectas, acabou batida, mais uma vez, pelos Mercedes, com Vettel a estar já a 35 pontos da liderança da classificação de pilotos.

A próxima corrida é em Espanha, no circuito da Catalunha. Vettel que a Ferrari «não é favorita em Barcelona» mas Hamilton não acredita em facilidades da marca italiana.

«Nunca se sabe quando outra equipa vai dar um passo em frente. Temos de continuar assim. Não podemos vacilar», lembrou Hamilton.

A Mercedes conseguiu, no passado domingo, a quarta “dobradinha” em quatro provas do Mundial de Fórmula 1 disputadas em 2019, com a vitória do finlandês Valtteri Bottas no Azerbaijão e o segundo lugar do britânico Lewis Hamilton. Bottas regressa ao comando do campeonato, com 87 pontos, mais um do que Lewis Hamilton. A Mercedes também domina entre os construtores, com 173 pontos, contra os 99 da Ferrari.

A próxima prova do Mundial está marcada para 12 de maio, em Barcelona, onde vai ser disputado o Grande Prémio de Espanha.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação