Toyota lançou a primeira pedra de Woven City

A construção da cidade protótipo do futuro já arrancou no Japão. Woven City, onde todos os ecossistemas estão ligados e entrelaçados, será em Higashi-Fuji (cidade de Susono, província de Shizuoka).

(auto.look2010@gmail.com)

A Toyota Motor Corporation (Toyota) e Woven Planet Holdings, Inc. (Woven Planet), a empresa do Grupo Toyota responsável por vários projectos de desenvolvimento de mobilidade, ancorados em software, realizaram uma cerimónia de lançamento da primeira pedra para a construção de Woven City.

Juntamente com o governador Heita Kawakatsu da prefeitura de Shizuoka, o prefeito Kenji Takamura da cidade de Susono e outros convidados representando a comunidade local, a cerimónia contou com a presença do presidente da Toyota Akio Toyoda, do CEO da Woven Planet James Kuffner, do presidente do TMEJ, Kazuhiro Miyauchi, e de outros envolvidos no projeto. Juntos, os líderes expressaram as suas esperanças e votos de um início seguro da construção.

Para se preparar para uma era em que todos os ecossistemas que suportam a vida quotidiana estão suportados e ligados a dados, na CES de Las Vegas, nos Estados Unidos a Toyota anunciou em Janeiro de 2020 a construção da Woven City, que tem como objectivo criar avanços continuados para ajudar a melhorar a sociedade, acelerando o ciclo de tecnologia e desenvolvimento de serviços.

Woven City é um projecto que irá demonstrar uma abordagem centrada no ser humano para o desenvolvimento comunitário. Na mudança da Toyota de fabricante de automóveis para empresa de mobilidade, o projecto irá aplicar novas tecnologias num ambiente do mundo real em várias áreas, como a condução autónoma, mobilidade pessoal, robótica e inteligência artificial (IA). Espera-se que ofereça uma série de oportunidades para empresas e pesquisadores de todo o mundo.

Woven City terá três tipos de ruas interligadas entre si ao nível do solo, uma dedicada à condução autónoma, uma para peões e outra para peões com veículos de mobilidade pessoal. Haverá também uma estrada subterrânea usada para o transporte de mercadorias.

A comunidade terá inicialmente cerca de 360 residentes, principalmente idosos, famílias com filhos pequenos e inventores, com o objectivo de ter uma população de mais de 2.000 pessoas, incluindo funcionários da Toyota. A infra-estrutura de Woven City visa criar um ambiente onde invenções com potencial para resolver questões sociais sejam criadas em tempo útil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *