Tiago Reis vence a Baja TT Montes Alentejanos

O piloto de Braga, navegado por Valter Cardoso, conduziu a Toyota Hilux ao triunfo na Baja TT Montes Alentejanos 2021, competição que se disputou este fim-de-semana nas magníficas pistas do Baixo Alentejo tendo passado pelos concelhos de Beja, Mértola e Serpa.

(auto.look2010@gmail.com)

O bracarense Tiago Reis dominou de forma absoluta o segundo dia de competição, tendo vencido todos os troços disputados e terminou a corrida com uma vantagem de 3m6s para Luís Recuenco que, acompanhado por Sérgio Jimenez, num Mini Countryman, passou para a segunda posição da classificação geral.

A dupla espanhola beneficiou do furo no Ford Ranger de Hélder Oliveira. O piloto de Barcelos, navegado pelo conimbricense Carlos Jorge Mendes (Cajó), ocupava o lugar intermédio do pódio mas acabou por perder muito tempo com um furo. O terceiro lugar do pódio foi ocupado Pedro Dias da Silva que aos comandos de uma Ford Proto teve a seu lado José Pires.

Tiago Reis terminou aquela que foi a primeira jornada no Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno muito satisfeito com o resultado alcançado: «Foi um fim-de-semana fantástico. Correu tudo bem e estamos muito felizes com esta vitória. Já na parte final da etapa de hoje tivemos um pequeno problema no diferencial da frente, mas não foi nada de especial e conseguimos acabar normalmente. Agora estamos focados já nas próximas corridas que esperamos sejam igualmente positivas», sublinhou o piloto bracarense.

Na classe T2, Georgino Pedroso, navegado por Carlos Silva, em Isuzu, liderou a competição do início ao fim, mas venceu a corrida com uma curta vantagem de 13 segundos para o segundo dos T2, a jovem dupla formada por João Franco e Pedro Inácio. Na classe T3 venceu a dupla formada por Filipe Nascimento e Paulo Torres.

Entre os T4, a dupla Gualter Barros e Francisco Esperto foi a vencedora, enquanto nos T8 Michael Braun, acompanhado por Ivo Santos, conquistou o primeiro lugar. A vitória na Taça de Portugal de Todo-o-Terreno coube à dupla formada por Cesário Santos e Alexandre Gomes que, aos comandos de uma Nissan, também assumiram a liderança logo no primeiro dia de prova e não a largaram mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *