Tiago Reis lidera por 4s “Montes Alentejanos”

Tiago Reis, navegado por Valter Cardoso aos comandos de uma Toyota Hilux, lidera entre os automóveis a Baja TT Montes Alentejanos disputado que foi o primeiro dia desta corrida alentejana que marcou a abertura do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno.

(auto.look2010@gmail.com)

Mais rápido no Prólogo (6,08 km), Tiago Reis (Toyota Hilux) cimentou o comando da Baja TT Montes Alentejanos, primeira prova do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno, ao vencer a primeira passagem pelos dois SS que integram o percurso, que serão repetidos este domingo.

No segundo SS, Tiago Reis perdeu tempo para Hélder Oliveira (Ford Ranger), que passou no controlo horário com 20,3” de avanço sobre o piloto da marca japonesa que, segunda parte recuperou, regressou ao primeiro lugar e garantiu uma vantagem de 4 segundos que vai ter de defender este domingo.

Hélder Oliveira está a ter um regresso notável às competições ao concluir os três troços cronometrados do dia na segunda posição. O piloto de Barcelos que aponta a um lugar no pódio daquela que é a jornada inaugural do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno, deu passos consistentes nesse sentido.

Aos comandos da Ford Ranger, Hélder Oliveira, que faz equipa com o conimbricense Carlos Jorge Mendes (Cajó) poderia ter ficado condicionada devido a um contratempo registado pouco antes da partida para o sector selectivo de 69.87Km, mas o incidente não foi suficientemente forte para demover o piloto de conseguir lutar pelas primeiras posições, terminando o troço cronometrado no terceiro lugar.

João Ramos (Toyota Hilux), segundo no Prólogo e segundo no primeiro SS do dia, que terminou a 21,9” de Tiago Reis, “tombou” na primeira parte do segundo SS e desistiu, o que permitiu a Hélder Oliveira terminar o dia na segunda posição à frente do espanhol Luis Recuenco (Mini Contriman), que, para já, completa o pódio, com 27,4” de vantagem sobre Pedro Dias da Silva (Ford EXR05 Proto. Fora de prova ficou também Alejandro Martins, outro dos candidatos à vitória depois de o seu Mini ter dado um toque que o impediu de continuar.

Num ano de celebração, com o assinalar dos 25 anos de carreira, Nuno Matos deu início ao seu projecto desportivo de 2021 ao volante do seu FIAT Fullback Proto, após a edição da última época da Baja Portalegre 500.

Os 69.87 quilómetros do Sector Selectivo 2 acabariam por se revelar inglórios para a equipa: «Recuperámos algumas posições e estamos no top 10. No entanto, além de algumas questões de travões que fomos sentindo, na parte final do troço começámos a ter problemas na caixa de direcção. Não sabemos exactamente o que será, mas, infelizmente, já não vai ser possível alinhar no SS3 de hoje», explicou Nuno Matos.

Para este domingo, os concorrentes irão repetir a passagem pelos dois sectores selectivos hoje disputados após o prólogo.

Classificação após o primeiro dia – 1.º Tiago Reis/Valter Cardoso (Toyota Hilux), 2.03’11,3”; 2.º Hélder Oliveira/Calos Jorge Mendes (Ford Ranger), a 4,”; 3.º Luis Recuenco/Sergio Jimenez (Mini 4×4 Racing), a 1’42,4”; 4.º Pedro Dias da Silva/José Pires (Ford EXR05 Proto), a 2’09,8”; 5.º Henrique Silva/Henrique Damásio (Mini Paceman Proto), a 4’46,1”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *