Tiago Monteiro na primeira linha do WTCR

Piloto portuense garantiu o segundo lugar na qualificação para a primeira corrida desta tarde na etapa portuguesa da Taça do Mundo de Carros de Turismo (WTCR), que está a decorrer na cidade transmontana de Vila Real.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Os ares de Trás-os-Montes fizeram bem aos carros da KCMG que, depois de uma primeira metade da época discreta, chegaram a Vila Real e monopolizaram a primeira linha da grelha, com o húngaro Attila Tassi (Honda Civic) a garantir a primeira “pole position” da carreira, à frente do ídolo local, o português Tiago Monteiro (Honda Civic).

Para Tiago Monteiro, o resultado «é consequência do trabalho desenvolvido nos últimos meses, ao longo dos quais procuramos resolver os problemas que fomos sentindo e, agora, em Vila Real, tudo funcionou de forma perfeita e conseguimos este excelente resultado que é importante para a equipa».

Ontem, “travado” pelo italiano Gabriele Tarquini, Tiago Monteiro foi um discreto 23.º, mas hoje, esteve, desde o início da sessão na luta pelas primeiras posições. Quarto na Q1, onde o húngaro já tinha sido o mais rápido, Tiago Monteiro fez, desde cedo, o terceiro tempo na Q2, que foi interrompida em consequência do despiste do italiano Kevin Ceccon (Alfa Romeo Giulietta), que obrigou à reposição dos “rails”, numa altura em que para além dos dois pilotos da Honda, os franceses Yvan Muller (Lynk & Co 03) e Jean-Karl Verney (Audi RS3 MS) e o belga Nicky Catsburg (Hyundai i30N).

Quando a sessão recomeçou Attila Tassi e Tiago Monteiro só saíram para a pista a tempo de fazerem uma volta, mas o facto de ninguém superar os seus tempos levou-os a abortar a tentativa, tal como sucedeu com Yvan Muller, enquanto o inglês Robert Huff (VW Golf GTi) e o francês Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03) renderam Jean-Karl Verney e o belga no lote dos que entraram na Q3 e decidiram a “pole position” para a terceira corrida.

Tiago Monteiro foi o terceiro a entrar em pista, depois de Robert Huff e Yann Ehrlacher, para de imediato ascender à primeira posição, de onde só seria desalojado quando, Attila Tassi, o último a entrar em acção, completou a sua volta.

Mérito do piloto húngaro que foi o mais rápido nas três qualificações e que na Q2 rodou em 1’59,445”, o melhor tempo feito em Vila Real, desde que o traçado adoptou o actual desenho.

 

GRELHAS DE PARTIDA

CORRIDA 2 – 1.ª linha: Ma Qinghua; Esteban Guerrieri; 2.ª linha: Mikel Azcona; Nicky Catsburg; 3.ª linha: Jean-Karl Verney; Robert Huff; 4.ª linha: Yvan Muller; Yann Ehrlacher; 5.ª linha: Tiago Monteiro; Attila Tassi. Alinham mais 16 pilotos

CORRIDA 3 – 1.ª linha: Attila Tassi (Honda Civic), 1’59,808”; Tiago Monteiro (Honda Civic). 1’59,949”; 2.ª linha: Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03), 2’00,122”; (Lynk & Co 03), 2’00,286”; 3.ª linha: (VW Golf GTi), 2’00,424”; Jean-Karl Verney (Audi RS3 LMS), 1’59,0918”; 4.ª linha: Nicky Catsburg (Hyundai i30 N), 1’59,936; Mikel Azcona (Cupra), 1’59,955”; 5.ª linha: Esteban Guerrieri (Honda Civic), 1’59,992”; Ma Qinghua (Alfa Romeo Giulietta), 2’00,219”. Alinham mais 16 pilotos

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação