Tiago Monteiro encerra treino no “top ten”

O Lynk & Co 03 TCR do uruguaio Santiago Urrutia equipado com Goodyear, terminou no topo dos tempos da primeira sessão de treinos livres em Aragon, na frente de Yann Ehrlacher, comandante do WTCR e que luta pelo título.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

O nevoeiro que apareceu, esta manhã, sobre o traçado do MotorLand, levou ao adiamento da primeira sessão de treinos livres do WTCR, por não haver condições para o helicóptero médico poder voar.

Uma situação que obrigou a uma reprogramação do primeiro dia da derradeira jornada do WTCR, que regressa ao traçado aragonês do MotorLand, 15 dias depois da presença anterior.

O primeiro treino livre foi dominado pelos Lynk & Co 03, que colocaram quatro carros nas seis primeiras posições, com o uruguaio Santiago Urrutia a fazer o melhor tempo, à frente do francês Yann Ehrlacher, que comanda o campeonato e está na luta pelo título, com o francês Yvan Muller e o sueco Thed Bjork a fecharem o lote dos seis primeiros, com o francês Jean-Karl Verney (Alfa Romeo Giulietta) e o espanhol Mikel Azcona (Cupra Leon) a intrometerem-se entre as duas duplas dos Lynk & Co.

Tendo o argentino Esteban Gutierrez (Honda Civic), na luta pelo ceptro, a sessão correu mal para a marca japonesa, que viu o húngaro Attlia Tassi (Honda), em oitavo, a ser o mais rápido dos pilotos da marca nipónica, com o português Tiago Monteiro (Honda Civic) a fechar o “top ten”.

MELHORES TEMPOS

Santiago Urrutia (Lynk & Co 03), 2’14,148; Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03), 2’14,185”; Jean-Karl Verney (Alfa Romeo Giulietta), 2’14,325”; Mikel Azcona (Cupra Leon), 2’14,348”; Yvan Muller (Lynk & Co 03), 2’14,395”; Thed Bjork (Lynk & Co 03) 2’14,461”; Nathanael Berthon (Audi RS3 LMS), 2’14,903”; Attila Tassi (Honda Civic), 2’14,905”; Norbert Michelisz (Hyundai i30 N), 2’15,000”; Tiago Monteiro (Honda Civic), 2’15,387”. Treinaram mais 12 pilotos.

CALENDÁRIO DE 2021

Antes da derradeira prova de 2020, o Eurosport, promotor do WTCR revelou o projecto de calendário, para o próximo ano, que terá oito provas, com duas corridas em cada, ao contrário do que sucedeu esta temporada em que houve alguns traçados, como sucede este fim-de-semana, em Aragon, três corridas.

Destaque para o regresso das corridas na Ásia, com a Coreia do Sul, a China, num circuito a indicar, e Macau, que volta a fechar a temporada, a estarem no calendário, tal como o traçado transmontano de Vila Real, que fecha a primeira metade da época

DATA PAÍS CIRCUITO
16 de Maio Hungria Hungaroring
24 de Maio Eslováquia Slovakia Ring
5 de Junho Alemanha Nordschleif
27 de Junho Portugal Vila Real
11 de Julho Espanha Motorland Aragon
8 de Outubro Coreia do Sul Inje Speedium
7 de Novembro China A desginar
21 de Novembro Macau Circuito da Guia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: