Thierry Neuville derramou o néctar do triunfo

O belga do Hyundai i20 Coupe WRC venceu hoje o Rali da Catalunha, 12.ª e penúltima prova do Campeonato do Mundo, e adiou para a última jornada, em Monza, a atribuição dos títulos mundiais de Pilotos e Construtores.

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

Numa confirmação do domínio exercido ao longo do Rali da Catalunha, que se traduziu em 10 vitórias, nas 17 especiais que integravam o percurso, Thierry Neuville (Hyundai i20 Coupé WRC) garantiu o triunfo na prova espanhola, a segunda da temporada e 15.ª da carreira.

O piloto belga ficou à frente do inglês Elfyn Evans (Toyota Yaris WRC) que, com o segundo lugar registado nesta prova, adiou a decisão do título para Monza, a derradeira prova da temporada. Thierry Neuville concluiu a prova com o tempo de 2h34m11,8s, deixando o britânico Elfyn Evans (Toyota Yaris) a 24,1 segundos.

O espanhol Dani Sordo (Hyundai i20 Coupé WRC), que venceu as quatro classificativas do dia, terminou no derradeiro lugar do pódio, a 35,3 segundos do vencedor, à frente do francês Sébastien Ogier (Toyota Yaris WRC). O terceiro lugar do piloto da “casa” ajudou o inglês no duelo com o francês pela conquista do ceptro.

Sébastien Ogier, que precisava de ganhar sete pontos a Evans para se sagrar desde já campeão pela oitava vez na carreira, foi 42,1 segundos mais lento que Thierry Neuville, que ainda apanhou um susto quando o motor de arranque do seu Hyundai i20 Coupe WRC deixou de funcionar.

«Estou aliviado por ter chegado ao final. Foi um fim-de-semana duro, mas lutámos até ao final. Tivemos uma passagem limpa e tudo estava a ser perfeito quase até ao final», comentou o piloto belga.

Thierry Neuville admitiu ter ficado «muito stressado» antes da última especial, a “Power Stage”, devido aos problemas no motor de arranque, pelo que, «caso contrário, o fim-de-semana teria sido perfeito».

Como consequência, Sébastien Ogier vai entrar na prova italiana com 17 pontos de avanço sobre Elfyn Evans, diferença que lhe permite gerir a presença em Monza para garantir o título, no ano da despedida, a tempo inteiro, do “Mundial”.

Excelente estreia do espanhol Nil Solans (Hyundai i20 Coupé WRC), que terminou em oitavo, ao volante de um WRC, à frente do francês Eric Camilli (Citroën C3 Rally2) que venceu entre os RC2, cujo o título será decidido, em Monza, entre o noruegueses Andreas Mikkelsen e Mads Ostberg que vão entrar na derradeira prova em igualdade pontual (126).

Em relação ao título de Construtores, a presença de dois Hyundai no pódio, mesmo que separados por um Toyota, adiou a decisão para Monza, mas só uma derrocada da marca japonesa a impedirá de garantir o título.

FICHA DA PROVA

Prova – Rally RACC Catalunya – Costa Daurada

Data – 14/17 de Outubro

Organizador – Reial Automobil Club de Catalunya

Estrutura – 1 410,29 km divididos por três etapas: Salou – Salou (660,59 km); Salou – Salou (489,96 km); Salou – Salou (259,74 km)

PC – 17 (6 + 7 + 4)

Extensão das PC – 280,46 km (112,02 km + 117,54 km + 50,90 km)

Percentagem das PC – 19,89 %

Inscritos – 73 (12 RC1, 31 RC2, 24 RC4, 3 RC5, 3 RGT)

Participantes – 68 (12 RC1, 30 RC2, 20 RC4, 3 RC5, 3 RGT)

Classificados – 50 (11 RC1, 22 RC2, 12 RC4, 2 RC5, 3 RGT)

Comandantes sucessivos

Absoluto – Elfyn Evans, da 1.ª à 4.ª PC; Thierry Neuville, da 5.ª à 17.ª PC

RC1 – Elfyn Evans, da 1.ª à 4.ª PC; Thierry Neuville, da 5.ª à 17.ª PC

RC2 – Mads Ostberg, na 1.ª PC; Eric Camilli, na 2.ª e 3.ª PC; Mads Ostberg, na 4.ª PC; Eric Camilli, da 5.ª à 17.ª PC

RC4 – Jon Armstrong, da 1.ª à 6.ª PC; Sami Pajari, da 7.ª à 17.ª PC

RC5 – Pascal Pauget, na 1.ª PC; Paolo Raviglione, na 2.ª PC; Paolo Raviglione e Pascal Pauget, na 3.ª PC; Paolo Raviglione, da 4.ª à 17.ª PC

RGT – Emmanuel Guigou, da 1.ª à 17.ª PC

Vencedores

Absoluto – Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupé WRC)

RC1 – Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupé WRC)

RC2 – Mads Ostberg/Torstein Eriksen (Citroen C3 R5)

RC4 – Sergi Francoli/Maria Salvo (Peugeot 208 R2)

RC5 – Roberto Antonucci/Herbert Antonucci (Renault Twingo

CLASSIFICAÇÃO

POS. EQUIPA CARRO TEMPO
1.º Thierry Neuville/Martijn Wydaegue Hyundai i20 Coupé WRC 2.34’11,8″
2.º Elfyn Evans/Scott Martin Toyota Yaris WRC a 24,1″
3.º Dani Sordo/Candido Carrera Hyundai i20 Coupé WRC a 35,3″
4.º Sébastien Ogier/Julien Ingrassia Toyota Yaris WRC a 42,1″
5.º Kalle Rovampera/Jonne Halttunen Toyota Yaris WRC a 1’31,8″
6.º Gus Grensmith/Chris Patterson Ford Fiesta WRC a 4’17,3″
7.º Oliver Solberg/Craig Drew Hyundai i20 Coupé WRC a 4’26,7″
8.º Nil Solans/Marc Marti Hyundai i20 Coupé WRC a 4’34,9″
9.º Eric Camilli/Maxime Vilmot Citroen C3 Rally2 a 9’49,4″
10.º Nikolay Gryazin/Konstantin Alexandrov Skoda Fabia Rally2 Evo a 10’05,9″

OS MAIS RÁPIDOS

1.º 2.º 3.º 4.º 5.º 6.º
Thierry Neuville 10 5 1 1 0 0
Dani Sordo 4 2 5 2 4 0
Elfyn Evans 3 4 6 1 2 1
Sébastien Ogier 2 3 4 7 0 0
Adrien Fourmaux 0 1 1 0 3 5
Kalle Rovampera 0 0 1 3 5 6
Ott Tanak 0 0 0 2 0 0
Mads Ostberg 0 0 0 1 0 0
Takamoto Katsuta 0 0 0 0 2 1
Nil Solans 0 0 0 0 0 2
Gus Greensmith 0 0 0 0 0 2
Kajetan Kajetanowicz 0 0 0 0 0 1

CLASSIFICAÇÕES DOS “MUNDIAIS”

PILOTOS – 1.º, Sébastien Ogier, 204 pontos; 2.º, Elfyn Evans, 187; 3.º Thierry Neuville, 159; 4.º, Kalle Rovampera, 140; 5.º Ott Tanak, 128; 6.º, Craig Breen, 76; 7.º, Takamoto Katsuta, 68; 8.º, Dani Sordo, 63; 9.º, Gus Greensmith, 60; 10.º, Adrien Fourmaux, 42; 11.º, Esapekka Lappi, 22; 12.º, Teemu Suninen, 21; 13.º, Mads Ostberg, 15; 14.º, Yohan Rossel, Oliver Solberg, 12; 16.º, Jari Huttunen, 10; 17.º, Andreas Mikkelsen, 10; 18.º,  Onkar Rai, Pierre-Louis Loubet, 6; 20.º, “Pepe” Lopez, Karan Patel, Alexey Lukyanuk, Pieter Jan Michiel Cracco, Nil Solans, 4; 25.º, Eric Camilli, 3. 26.º, Jan Solans, Carl Tundo, Fabian Kreim, Marco Bulacia Wilkinson, 2; 30.º, Nikolay  Gryazin, 2; 31.º, Vincent Verschureren, Emil Limdholm, 1

NAVEGADORES – 1.º, Julien Ingrassia, 204 pontos; 2.º, Scott Martin, 187; 3.º Martijn Wydaeghe, 159; 4.º, Jonne Halttunen, 140; 5.º, Martin Jarveoja, 128; 6.º, Paul Nagle, 76; 7.º, Daniel Barritt, 66; 8.º, Chris Patterson, 54 ; 9.º, Renaud Jamoul, 36; 10.º, Candido Carrera, 12; 11.º, Janne Ferm, 22; 12.º, Mikko Markkula, 21; 13.º, Borja Rozada, 20; 14.º, Alexandre Coria, 18; 15.º, Torstein Eriksen, 15 ; 16.º, Carlos Del Barrio, 11; 17.º, Mikko Lukka, 10; 18.º, Ola Floene, Elliott Edmonson, 8; 20.º, Sebastian Marshall, Drew Sturrock, Florian Haut-Labourdette, Craig Drew, 6; 24.º, Diego Valejo, Tauseef Khan, Yaroslav Fedorov Jasper Vermeulen, Marc Marti, 4; 29.º, Rodrigo Sanjuan, Tim Jessop, Frank Christian, Marcelo Der Ohannesian, Aaron Johnstone, Maxime Vilmot, Konstantin Aleksandrov, 2; 36.º, François-Xavier Buresi, Filip Cuvelier, Reeta Hamalainen, 1

MARCAS – 1.º, Toyota Gazoo Racing WRT, 474, pontos; 2.º, Hyundai Shell Mobis WRT, 427; 3.º, M-Sport Ford WRT, 185; 4.º, Hyundai 2C Competition, 58

Próxima prova – Forum8 ACI Rally Monza, de 18 a 21 de Novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *