Termas Centro prolongam animação em 2022

A rede Termas Centro, que resulta do Programa de Valorização Económica dos Recursos Endógenos (PROVERE) com o mesmo nome, assegurou o prolongamento da sua actividade, bem como do programa de animação das estâncias termais, durante o ano de 2022.

(auto.look2010@gmail.com)

Iniciado em 2019, o PROVERE Termas Centro tinha conclusão prevista para 2021, mas o prazo foi alargado para 30 de Junho de 2022, de forma a poderem ser realizadas as actividades inicialmente previstas e que foram inviabilizadas pela pandemia dos últimos dois anos.

Recorde-se que o PROVERE Termas Centro foi criado com o objectivo de valorizar as Estâncias Termais da Região Centro, dado o recurso endógeno água mineral natural, que está na origem das Termas. Esta valorização assentou nos projectos-âncora “Animação”, “Comunicação e Marketing”, “Inovação e Estruturas de Animação Permanente” e “Aldeias do Conhecimento”.

Adriano Barreto Ramos, coordenador da rede Termas Centro, explica que «este prolongamento permite concretizar as iniciativas que não puderam ser realizadas em 2020 e 2021, nomeadamente as referentes ao ciclo de eventos de animação em rede “Viva Termas Centro”, ao Projecto de Inovação e à própria comunicação, inviabilizada pelo encerramento das Termas, devido à situação pandémica, que impossibilitou a realização de acções já programadas e contratualizadas, e que agora se irão concretizar».

O ciclo “Viva Termas Centro” é uma componente importante do projeto. As acções do ciclo são compostas por três eixos (“Descubra ‐ Uma Rede Cultural”, “Explore – O Nosso Território e Património” e “Desfrute – Novas Experiências”), que vão ao encontro dos interesses e gostos de diferentes gerações de frequentadores das termas.

Além de serem concluídas as acções iniciadas nestes três eixos, serão desenvolvidas novas acções, que visam sensibilizar as famílias para a importância de estilos de vida saudáveis, nas suas várias vertentes, desde o ambiente e a natureza – as termas são um recurso natural renovável, com uma tradição de muitos séculos – à cultura. Também se pretende mostrar a face animada e de descanso activo que as Termas proporcionam, com workshops e actividades para famílias, como é o circuito de geocaching.

O PROVERE Termas Centro inclui ainda a criação de estruturas de animação permanente, nomeadamente a actualização das placas sinaléticas e das estruturas interiores de acolhimento das estâncias termais e a promoção cruzada das Rotas Termas Centro.

Finalmente, o projecto de experimentação “Aldeias do Conhecimento”, que será concluído no primeiro semestre de 2022, permitiu recolher e documentar, em vídeo e noutros suportes digitais, as vivências de pessoas reais dos territórios onde as estâncias termais da rede Termas Centro estão implantadas.

REDE TERMAS CENTRO

A rede Termas Centro, cujo promotor líder é a Associação das Termas de Portugal – Delegação Centro – é um projecto cofinanciado pelos programas operacionais Centro 2020, Portugal 2020 e pela União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), no âmbito da Estratégia de Eficiência Colectiva PROVERE (Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos).

Um total de 20 estâncias termais da região Centro integram o consórcio, representando 60 por cento do mercado nacional, a saber: Termas de Alcafache, Termas de Almeida – Fonte Santa, Termas de Águas – Penamacor, Termas do Bicanho, Caldas da Felgueira, Caldas da Rainha, Termas do Carvalhal, Termas da Curia, Termas do Cró, Termas da Ladeira de Envendos, Termas de Longroiva, Termas de Luso, Termas de Manteigas, Termas de Monfortinho, Termas da Piedade, Termas de Sangemil, Termas de São Pedro do Sul, Termas de Unhais da Serra, Termas de Vale da Mó e Termas do Vimeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *