Taça dos Campeões de Ralis Regionais falhada

O Rali Casinos do Algarve, na estrada no próximo fim-de-semana, engloba este ano a Taça dos Campeões de Ralis Regionais 2021/Claudino Romeiro, que integra os cinco primeiros dos Campeonatos Norte, Centro e Sul e, ainda, dos Açores e Madeira. Apesar e uma boa lista, os campeões primam pela ausência.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com) – Fotos: JOÃO VIANA

Na tentativa de “salvar” o Rali Casinos do Algarve e de “atenuar” a contestação do Clube Automóvel do Algarve, seu organizador, em consequência da exclusão da prova do calendário do Campeonato de Portugal, a Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK) criou uma prova suplementar que integra o Rai Casinos do Algarve.

Embora a alegação do campeão nacional ser algarvio não justifique, por si só, a FPAK decidiu que na referida prova deste ano no Campeonato Sul e Ralis estaria em jogo a Taça dos Campeões de Ralis Regionais 2021/Claudino Romeiro. Trata-se de uma competição em que podem participar os cinco primeiros dos Campeonatos Regionais Norte, Centro e Sul e, ainda, dos Açores e Madeira, dos grupos P1, P2, P3, X1, X2, X3 e X4.

Para puderem candidatar-se à conquista da Taça seriam consideradas as classificações a 31 de Outubro, data em que as competições ainda decorriam, com o Campeonato Norte a só terminar no dia 19 de Dezembro, o que tornava evidente que as classificações verificadas nesse momento podiam ser bem diferentes das classificações finais, o que impediria alguns de lutar pela referida Taça.

Só que a iniciativa da FPAK falhou, com nenhum dos potenciais interessados a aceitar o desafio e a lista de inscritos resume-se aos habituais participantes no Campeonato Sul e ainda aqueles que estão envolvidos nos campeonatos da GT e Clássicos para os quais a prova também conta.

Vencedor de três das quatro provas efectuadas Carlos Martins (Mitsbubishi Lancer VII) parte como favorito, Nuno Carujo (Mitsubishi Lancer VI), Rui Rijo (Mitsubishi Lancer VIII MR) e Márcio Marreiros (Mitsubishi Lancer IX) a perfilarem-se como seus principais opositores.

A prova algarvia arranca no sábado (14h30), em Lagoa, com os concorrentes a cumprirem uma dupla passagem pela especial de Portimão (9,50 km – 15h33 e 16h36), desenhada no Autódromo Internacional do Algarve.

O dia termina com a Super Especial de Lagos (1,60 km – 21h00), desenhada nas ruas da cidade para, no domingo, o programa integrar duas passagens pelas bem conhecidas provas de classificação de Chilrão (17,60 km – 9h45 e 11h08) e Monchique (10,25 km – 10h25 e 11h48), com o rali a terminar com a Super Especial de Portimão (2,50 km – 14h45).

Classificações do Campeonato Sul de Ralis

PILOTOS – 1.º Carlos Martins, 50 pontos; 2.º Nunio Carujo, 62; 3.º Rui Rijo, 44; 4.º João Bica, 37; 5.º Viana Martins, 36; 6.º Paulo Anselmo, 34; 7.º Luís Nascimento, 31; 8.º Filipe Silva, 25; 9.º Vasco Tintim, 23; 10.º Fernando Peres, 20. Estão classificados mais 13 pilotos.

NAVEGADORES – 1.º Pedro Dias da Silva, 58 pontos; 2.º Vítor Viegas, 57; 3.º Miguel Luz, 57; 4.º Ricardo Martins, 43; 5.º Ana Paula Vieira, 26; 6.º Francisco Pereira e José Pedro Silva, 25; 8.º Marco Villas Boas, 24; 9.º João Sena e Carina Figueiras, 20. Estão clasificados mais nove navegadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.