Segurança debatida em reunião da FIA em Portugal

A Federação Internacional do Automóvel (FIA) debateu esta quinta-feira diversas medidas que visam aumentar a segurança nas provas internacionais, em reunião mantida no Porto. Estas propostas têm, agora, de ser ratificadas pelo Conselho Mundial da FIA, em Dezembro.

(auto.look2010@gmail.com)

O presidente da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK), Ni Amorim, destacou o «novo sistema de assentos para os pilotos de karting» e a decisão de «encomendar um estudo sobre diferentes compósitos para os “roll bars” dos carros de rali e velocidade», de forma a tornarem o habitáculo mais seguro para os pilotos destas especialidades.

A “Anual Executive Meeting” da FIA decorreu nos últimos dois dias no Porto e debateu, entre outros assuntos, «a regulamentação, a segurança, as licenças e homologações, as provas piratas e os seguros». Ao todo, estiveram presentes 14 federações de países europeus e o secretário-geral do organismo, Peter Bayer.

«Para Portugal é uma honra acolher este encontro, do qual saem propostas de melhoria do desporto automóvel a nível mundial e que podem ter impacto no futuro», explicou Ni Amorim. O responsável máximo do automobilismo nacional referiu ainda: «No karting, a decisão de vir a introduzir bancos integrais que ajudam à extracção rápida do piloto em caso de acidente pode ter um grande impacto na segurança da modalidade».

«Ainda no karting, decidiu-se dotar os pilotos de uma pulseira electrónica, que, em caso de acidente, fornece imediatamente diversas informações sobre o estado físico do corredor aos médicos no local, como a pulsação», explicou. Além disso, da reunião saiu a decisão de uniformizar «os vários tipos de licenças desportivas existentes nos diversos países».

Estas propostas têm, agora, de ser ratificadas pelo Conselho Mundial da FIA, em Dezembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *