Sébastien Ogier saltou fora do rali em Arganil

O piloto francês do Toyota GR Yaris Rally1 desistiu da 55.ª edição do Vodafone Rally de Portugal, depois de sofrer um segundo furo na segunda passagem pela especial arganilense. Kalle Rovampera foi o mais rápido e Elfyn Evans mantém a liderança.

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

O regresso dos franceses Sébastien Loeb (Ford Puma Rally1) e Sébastien Ogier (Toyota GR Yaris Rally1) ao Campeonato do Mundo de Ralis (WRC) termina da mesma maneira, ou seja, com os dois de fora do Vodafone Rally de Portugal.

Primeiro foi Sébastien Loeb a bater e a arrancar uma roda, na segunda passagem pela Lousã, depois foi o seu compatriota, vítima de dois furos sucessivos, nas segundas passagens por Góis e Arganil, forçado a renunciar por não ter um segundo pneu sobresselente.

Na frente continua o inglês Elfyn Evans (Toyota GR Yaris Rally1) que vai aumentando a vantagem sobre os seus perseguidores, tendo o belga Thierry Neuville (Hyundai i20 N Rally1) a 7,0” e o finlandês Kalle Rovampera (Toyota GR Yaris Rally1) a 14,1”, com este último a fazer uma excelente gestão pelo facto de abrir a estrada e a estar a uma distância recuperável nos dias seguintes.

Em termos de RC2, um furo fez o finlandês Teemu Suninen (Hyundai i20 N Rally2) perder mais de minuto e meio e permitiu ao norueguês Andreas Mikkelsen (Skoda Fabia Rally2 Evo) ascender ao comando da categoria, com 40,9” de avanço sobre o finlandês

CLASSIFICAÇÕES

7.ª PC – ARGANIL 2 (18,72 KM) – 1.º, Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Toyota GR Yaris Rally1), 11’51,6”; 2.º, Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota GR Yaris Rally1), 11’56,2”; 3.º, Takamoto Katsuta/Aaron Johnston (Toyota GR Yaris Rally1), 11’56,8”; 4.º, Thierry Neuville/Martijn Wyndaeghe (Hyundai i20 N Rally1), 11’57,4”; 5.º, Dani Sordo/Candido Carrera (Hyundai i20 N Rally1), 11’59,6”; 6.º, Craig Breen/Paul Nagle (Ford Puma Rally1), 12’04,1”; 7.º, Pierre-Louis Loubet/Vincent Landais (Ford Puma Rally1), 12’05,3”; 8.º, Gus Greensmith/Jonas Andersson (Ford Puma Rally1), 12’08,5”; 9.º, Adrien Fourmaux/Alexandre Coria (Ford Puma Rally1), 12’18,7”; 10.º, Andreas Mikkelsen/Torstein Eriksen (Skoda Fabia Rally2 Evo), 12’39,0” (1.º RC2)

GERAL APÓS SETE ESPECIAIS – 1.º, Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota GR Yaris Rally1), 1.11’00,5”; 2.º, Thierry Neuville/Martijn Wyndaeghe (Hyundai i20 N Rally1), a 7,0”; 3.º, Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Toyota GR Yaris Rally1), a 14,0”; 4.º, Pierre-Louis Loubet/Vincent Landais (Ford Puma Rally1), a 34,9”; 5.º, Dani Sordo/Candido Carrera (Hyundai i20 N Rally1), a 36,1”; 6.º, Gus Greensmith/Jonas Andersson (Ford Puma Rally1), a 41,5”; 7.º, Takamoto Katsuta/Aaron Johnston (Toyota GR Yaris Rally1), a 45,7”; 8.º, Craig Breen/Paul Nagle (Ford Puma Rally1), a 55,9”; 9.º, Adrien Fourmaux/Alexandre Coria (Ford Puma Rally1), a 1’45,5”; 10.º, Ott Tanak/Martin Jarveoja (Hyundai i20 N Rally1), a 3’25,2”; 11.º, Andreas Mikkelsen/Torstein Eriksen (Skoda Fabia Rally2 Evo), 3’41,3” (1.º RC2).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.