Sébastien Ogier fora de rota na Sardenha

Francês bateu numa rocha com o Citroën C3 WRC na derradeira especial da primeira volta pelas quatro classificativas do dia e foi forçado a desistir.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

 Penalizado por abrir a estrada e quando já era nono da geral, a 25,0 segundos do comandante, o finlandês Jari-Matti Latvala (Toyota Yaris WRC), o francês Sébastien Ogier (Citroën C3 WRC) bateu numa rocha, visível e bem conhecida, na derradeira especial da primeira volta pelas quatro classificativas do dia e foi forçado a desistir.

A exemplo do que sucedeu em Portugal, onde era o segundo da estrada, o estónio Ott Tanak (Toyota Yaris WRC), que vai abri-la na segunda volta, em consequência do abandono de Sébastien Ogier, acaba a primeira volta no segundo lugar a escassos 2,8” do seu colega de equipa que ocupa o primeiro lugar, posição que pertenceu ao finlandês Teemu Suninen (Ford Fiesta WRC).

Mais rápido nas duas primeiras provas de classificação do dia, o piloto da Ford instalou-se no comando, mas um pião na terceira retirou-lhe a confiança e relegou para o quinto lugar, atrás ainda do espanhol Dani Sordo (Hyundai i20 Coupé WRC), que perdeu tempo com um furo, logo na especial de abertura, e do inglês Elfyn Evans (Ford Fiesta WRC).

Sétimo na estrada, atrás de Teemu Suninen, Jari-Matti Latvala aproveitou o erro do seu compatriota para ascender ao comando, ainda que escassa vantagem sobre Ott Tanak que, com o abandono do francês, pode sair da Sardenha no comando do campeonato.

A primeira especial do dia seria interrompida, em consequência do despiste do italiano Fábio Andolfi (Skoda Fabia R5), com o inglês Gus Greensmith (Ford Fiesta R5) a ficar pelo caminho, também por despiste, enquanto o norueguês Mads Ostberg (Citroen C3 R5) bateu numa pedra, na classificativa de abertura, perdeu tempo, reparou os estragos na ligação, pode prosseguir, mas acabaria por ficar pelo caminho na última prova de classificação.

Com três dos principais protagonistas entre os RC2 de fora, o comando pertence ao francês Pierre-Louis Loubet (Skoda Fabia R5), que dispõe de 9,7” de vantagem sobre o checo Jan Kopecky (Skoda Fabia R5 Evo). Esta tarde tem lugar a segunda volta pelas quatro especiais do dia.

CLASSIFICAÇÃO APÓS A 5.ª ESPECIAL – 1.º, Jari-Matti Latvala/Mikka Antilla (Toyota Yarus WRC), 49’38,6”; 2.º, Ott Tanak/Martin Jarveoja (Toyota Yaris WRC), a 2,8”; 3.º, Dani Sordo/Carlos Del Barrio (Hyundai i20 Coupé WRC), a 3,5”; 4.º, Elfyn Evans/Scott Martin (Ford Fiesta WRC), a 5,9”; 5.º, Teemu Suninen/Jarmo Lehtinen (Ford Fiesta WRC), a 7,7”; 6.º, Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupé WRC), a 14.1”; 7.º, Andreas Mikkelsen/Anders Jaeger (Hyundai i20 Coupé WRC), a 16,7”; 8.º, Esapekka Lappi/Janne Ferm (Citroen C3 WRC), a 19,1”; 9.º, Kris Meeke/Sebastian Marshall (Toyota Yaris WRC), a 43,0”; 10.º, Juho Hanninen/Tomi Tuominen (Toyota Yaris WRC), a 48,3”, 11.º, Pierre-Louis Loubet/Vincent Landais (Skoda Fabia R5), a 1’30,2” (1.º RC2).

 

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação