Sébastien Ogier abre a estrada… na Sardenha

Apenas duas semanas depois do Vodafone Rali de Portugal, o WRC continua nos pisos de terra com o Rali Itália Sardenha, quinta prova da temporada. Os pilotos da Toyota Razoo Racing, Sébastien Ogier e Elfyn Evans estão separados por dois pontos no topo da classificação do campeonato de pilotos.

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

Tal como em Portugal, o francês Sébastien Ogier (Toyota Yaris WRC) vai abrir a estrada no Rali de Itália, à frente do inglês Elfyn Evans (Toyota Yaris WRC), com os dois a terem de “sofrer” no primeiro dia, o que pode contribuir para os atrasar de forma irreparável e permitir o triunfo de um dos homens da Hyundai.

Desses, o espanhol Dani Sordo (Hyundai i20 Coupé WRC), tal como na prova portuguesa, é o que parte mais atrás (sétimo na estrada), o que o coloca, como sucedeu na prova anterior, em condições de rapidamente chegar ao comando da prova não surpreendendo se terminar o primeiro dia de prova no topo da classificação.

Os outros dois homens da marca sul-coreana, o belga Thierry Neuville (Hyundai i20 Coupé WRC) e o estónio Ott Tanak (Hyundia i20 Coupé WRC), partem atrás dos duo da marca japonesa, mas estão em piores condições que o seu colega de equipa, que tem ainda à sua frente o finlandês Kalle Rovampera (Toyota Yaris WRC) e o japonês Takamoto Katsuta (Toyota Yaris WRC), este moralizado pelo quarto lugar alcançado no Vodafone Rally de Portugal, que vão aumentar a “limpeza da estrada”, em benefício de Dani Sordo.

Na M-Sport Ford verifica-se nova troca de posições, com o francês Adrien Fourmaux a ser substituído no Ford Fiesta WRC pelo finlandês Teemu Suninen, que fará equipa com o inglês Gus Greensmith, para regressar ao Ford Fiesta Rally2 e integrar o lote de candidatos ao triunfo entre os RC2. Ao partir atrás de Dani Sordo, o inglês pode surpreender no primeiro dia e dar continuidade ao bom resultado alcançado em Portugal.

Tal como nos WRC, a luta nos RC2 promete ser intensa, com o Adrien Fourmaux a juntar-se aos noruegueses Andreas Mikkelsen (Skoda Fabia Rally2 Evo), ausente em Portugal por ter acusado positivo no teste ao Covid 19, e Mads Ostberg (Citroen C3 Rally2), ao russo Nikolay Gryazin (VW Polo GTi R5) no lote dos potenciais candidatos à vitória.

A prova italiana decidir-se-á em 20 provas de classificação, que na realidade são 10 feitas por duas vezes, com a mais extensa (22,29 km) a ser especial de abertura, o que pode, desde logo cavar algumas diferenças entre os homens da frente, ainda que o facto de disporem dos carros nas condições ideais possa permitir o atacar desde os primeiros metros e proporcionar tempos aproximados.

PROGRAMA / HORÁRIO

SEXTA-FEIRA (4 DE JUNHO)

PE1 Filigosu – Sa Conchedda 1 (22.29 km)

PE2 Terranova 1 (14.36 km)

PE3 Filigosu – Sa Conchedda 2 (22.29 km)

PE4 Terranova 2 (14.36 km)

Service A – Olbia – 40 min

PE5 Tempio Pausania 1 (12.08 km)

PE6 Erula – Tula 1 (14.97 km)

PE7 Tempio Pausania 2 (12.08 km)

PE8 Erula – Tula 2 (14.97 km)

Flexi Service B – Olbia – 45 min

SÁBADO (5 DE JUNHO)

Service C – Olbia – 15 min

PE9 Coiluna – Loelle 1 (15.00 km)

PE10 Lerno – Monti di Alà 1 (22.08 km)

PE11 Coiluna – Loelle 2 (15.00 km)

PE12 Lerno – Monti di Alà 2 (22.08 km)

Service D – Olbia – 40 min

PE13 Bortigiadas – Aggius – Viddalba 1 (14.70 km)

PE14 Sedini – Castelsardo 1 (13.03 km)

PE15 Bortigiadas – Aggius – Viddalba 2 (14.70 km)

PE16 Sedini – Castelsardo 2 (13.03 km)

Flexi Service E – Olbia – 45 min

DOMINGO (6 DE JUNHO)

Service F – Olbia – 15 min

PE17 Arzachena – Braniatogghiu 1 (15.25 km)

PE18 Aglientu – Santa Teresa 1 (7.79 km)

PE19 Arzachena – Braniatogghiu 2 (15.25 km)

PE20 Aglientu – Santa Teresa 2 (Power Stage) (7.79 km)

CLASSIFICAÇÕES DOS “MUNDIAIS”

PILOTOS – 1.º Sébastien Ogier, 79 pontos; 2.º Elfyn Evans, 77; 3.º Thierry Neuville, 57; 4.º Ott Tanak, 45; 5.º, Kalle Rovampera, 41; 6.º, Takamoto Katsuta, 36; 7.º, Dani Sordo, 29; 8.º, Craig Breen, 24; 9.º, Gus Greensmith, 22; 10.º, Adrien Fourmaux, 20; 11.º, Teemu Suninen, 9; 12.º, Esapekka Lappi, 713.º, Andreas Mikkelsen, 6; 13.º, Oliver Solberg, 6; 15., Mads Ostberg, 4; 16.º, Eric Camilli, 1; 17.º, Nikolay  Gryazin, 1

NAVEGADORES – 1.º Julien Ingrassia, 79 pontos; 2.º Scott Martin, 77; 3.º Martijn Wydaeghe, 54; 4.º, Martin Jarveoja, 45; 5.º, Jonne Halttunen, 41; 6.º, Daniel Barritt, 36; 7.º, Paul Nagle, 24; 8.º, Renaud Jamoul, 20; 9.º, Borja Rozada, 18; 10.º, Chris Patterson, 16 ; 11.º, Carlos Del Barrio, 11; 12.º, Mikko Markkula, 9; 13.º, Janne Ferm, 7; 14.º, Ola Floene, 6; 15.º, Sebastian Marshal, 6; 16.º, Elliott Edmonson, 6; 17.º, Torstein Eriksen, 4 ; 18.º, François-Xavier Buresi, 1;

MARCAS – 1.º Toyota Gazoo Racing WRT, 183 pontos; 2.º Hyundai Shell Mobis WRT, 146; 3.º, M-Sport Ford WRT, 64; 4.º, Hyundai 2C Competition, 28.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *