Sébastien Loeb trava hegemonia de Al-Attiyah

O qatari Nasser Al-Attiyah (Toyota GR DKR Hilux T1+) manteve o comando, apesar de batido no Sector Selectivo pelo francês Sébastien Loeb (BRX Prodrive Hunter).

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

Sébastien Loeb (BRX Prodrive Hunter)

Os três primeiros dias de competição da 44.ª edição do Rali Dakar de todo-o-terreno deram a entender que o triunfo será decidido entre Nasser Al-Attiyah e Sébastien Loeb, com o francês a reduzir a desvantagem para menos de 10 minutos, enquanto o argentino Lucio Alvarez (Toyota Overdrive Hilux), terceiro, está já a mais de 40 minutos do qatari.

O francês Sébastien Loeb somou o 15.º triunfo em etapas na prova da Amaury Sport Organisation (ASO) – primeiro na edição de 2022 –, ao bater o Nasser Al-Attiyah por 3m28s. O espanhol Carlos Sainz (Audi RS Q e-tron), que na véspera cedeu muito tempo devido a uma falha de navegação, foi terceiro, a 5m52s do vencedor, seguido do francês Stéphane Peterhansel (Audi RS Q e-tron), que terminou a 7m56.

Carlos Sainz (Audi RS Q e-tron)

Depois do descalabro da véspera, que se viu afastada da discussão do triunfo, a Audi teve bom dia, com o espanhol Carlos Sainz a fazer o terceiro tempo no Sector Selectivo, o francês Stéphane Peterhansel o quarto e, o sueco Mattias Ekstrom, o nono, apesar das inúmeras ultrapassagens que tiveram que efectuar, por saírem no meio do pelotão.

Na luta dos navegadores portugueses, Filipe Palmeiro, batido ontem, voltou a levar vantagem ao levar o lituano Benediktas Vanagas (Toyota Hilux), ao 18.º lugar no SS e a ocupar a mesma posição na geral, enquanto Paulo Fiúza, ao lado de outro lituano, Vaidotas Zala (Mini John Cooper Works Rally), foi 21.º no SS e está três posições à frente do seu compatriota na geral.

Finalmente, Miguel Barbosa (Toyota Hilux Overdrive) não conseguiu melhor que o 55.º tempo no SS, o que lhe permite manter o 48.º lugar da geral, posição a que ascendeu ontem.

Lucio Alvarez (Toyota Overdrive Hilux)

Nos SSV o polaco Michal Gozcal (BRP CAN-AM Maverick XRS) foi o mais rápido no SS, mas o americano Austin Jones (BRP CAN-AM Maverick XRS), segundo no SS, ascendeu ao comando da categoria, com 1’52” de avanço sobre o polaco, com o estreante brasileiro Rodrigo Luppi de Oliveira (BRP CAN-AM Maverick XRS) a manter a terceira posição.

Mau dia para Luís Portela Morais (BRP CAN-AM Maverick XRS) que, depois de dois dias entre os 10 primeiros, foi 16.º no SS e caiu para o 11.º lugar da geral, enquanto Rui Oliveira (BRP CAN-AM Maverick XRS), 24.º no SS, subiu um lugar da geral e passa a fechar o “top20”.

ETAPA DE AMANHÃ (TERÇA-FEIRA)

Era para ser a segunda parte da etapa maratona, que teria levado os concorrentes de de Ha’il a Al Artawiyah e daqui a Al Qaisumah, mas as condições atmosféricas levaram a que fosse impossível levaram a que fosse impossível montar o acampamento em Al Artawiyah e a opção foi, após a conclusão do Sector Selectivo (SS) rumar a Al Qaisumah que amanhã é local de partida de de chegada, depois de um percurso de 381 km, dos quais 255 km são percorridos em SS. A primeira parte do SS é marcado por cordões de dunas e na segunda são os cruzamentos das pistas a exigirem um bom trabalho de navegação, para não suceder o que sucedeu no domingo, quando muitos perderam tempo à procura do derradeiro posto de controlo, antes da chegada

CLASSIFICAÇÕES

SECTOR SELECTIVO

AUTOMÓVEIS – 1.º, Sébastien Loeb/Fabian Lurquin (Prodrive Hunter), 3.25’00”; 2.º Nasser Al-Attuyah/Mathias Baumel (Toyota GR DKR Hilux T1+), a 3’28”; 3.º, Carlos Sainz/Lucas Cruz (Audi RS Q e-tron), a 7’56”; 4.º, Stéphane Peterhansel/Edouard Boulanger (Audi RS Q e-tron),a 7’56”; 5.º, Nani Roma/Alex Haro (Prodrive Hunter), a 8’02”; 6.º, Yazeed Al Rahji/Michael Orr (Toyota Hilux Overdrive), a 8’41”; 7.º, Henk Lategan/Brett Cummings (Toyota GR DHR Hilux T1+), a 9’44”; 8.º, Giniel De Villiers/Dennis Murphy (Toyota GR DKR Hilux), a 11’17”; 9.º, Mattias Ekstrom/Emil Berkvist (Audi RS Q e-tron), a 13’30”; 10.º Bernard Ten Brinke/Sébastein Delauney (Toyota Hilux Overdrive), a 15’36”; …; 18.º, Benediktas Vanagas/Filipe Palmeiro (Toyota Hilux), a 22’23”; …; 21.º, Vaidotas Zala/Paulo Fiuza (Mini John Cooper Works Rally), a 27’27; …; 55.º, Miguel Barbosa/Pedro Velosa (Toyota Hilux Overdrive), a 1.26’38”

SSV – 1.º, Michal Gozcal/Szymin Gospodarczyk (BRP CAN-AM Maverick XRS), 4.10’34”; 2.º, Austin Jones/Gustavo Gugelmin (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 1’21”; 3.º, Rodrigo Luppi de Oliveira/Maykel Justo (BRP CAN-AM Maverick XRS), 1’45”; 4.º, Rokas Baciuska/Oriol Mena (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 5,08”; 5.º, Gerard Farres Guell/Diego Ortega Gil (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 5’16”; …; 16.º, Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a 37,00”; …; 24.º, Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XDS) a 47’38”.

GERAL

AUTOMÓVEIS – 1.º Nasser Al-Attiyah/Mathias Baumel (Toyota GR DKR Hilux), 6.59’21”; 2.º, Sébastien Loeb/Fabian Lurquin (Prodrive Hunter), a 9’16”; 3.º, Lucio Alvarez/Armand Monleon (Toyota Overdrive Hilux), a 40’53”; 4.º, Giniel De Villiers/Dennis Murphy (Toyota GR DKR Hilux), a 41’22”; 5.º, Vladimir Vasilyev/Oleg Uperenko (BMW X5) a 43’39”; 6.º, Martin Prokop/Viktor Chytka (Ford Raptor RS Crosscountry), a 44’53”; 7.º, Sebastian Halpern (Mini John Cooper Works), a 47’17”; 8.º, Yazeed Al Rahji/Michael Orr (Toyota Hilux Overdrive), a 48’53”; 9.º, Jakub Przygonski/Timo Gottschalk (Mini John Cooper Works Buggy), a 59,21”; 10.º, Orlando Terranova/Daniel Oliveras (Prodrive Hunter), a 1’05’03”; …; 15.º, Vaidotas Zala/Paulo Fiuza (Mini John Cooper Works Rally), a 1.20’10”; …; 18.º, Benediktas Vanagas/Filipe Palmeiro (Toyota Hilux), a 1’27’30”; …; 48.º, Miguel Barbosa/Pedro Velosa (Toyota Hilux Overdrive), a 3.52’09”

SSV – 1.º, Austin Jones/Gustavo Gugelmin (BRP CAN-AM Maverick XRS), 8.51’19”; 2.º, Michal Gozcal/Szymin Gospodarczyk (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 1’52”; 3.º, Rodrigo Luppi de Oliveira/Maykel Justo (BRP CAN-AM Maverick XRS), 2’28”; 4.º, Gerard Farres Guell/Diego Ortega Gil (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 7’21”; 5.º, Rokas Baciuska/Oriol Mena (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 32’27”; …; 11.º, Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a 1.18’07”; …; 20.º, Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XDS) a 2.18’27”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *