Rúben Rodrigues é o campeão açoriano de ralis

O novo campeão local da modalidade concluiu o evento dirigido por Paulo Leal na segunda posição, a 39,9 segundos do vencedor e seu rival na corrida ao cetro, Luís Miguel Rego.

(auto.look2010@gmail.com)

Ruben Rodrigues e Estevão Rodrigues

Rúben Rodrigues conquistou no Além Mar Rali o seu primeiro título açoriano de ralis. O piloto esteve na prova organizada pelo Grupo Desportivo e Comercial com uma postura bastante táctica, de forma a conseguir este objectivo.

Aos comandos de um Citroën C3 Rally2, Rúben Rodrigues conclui o Campeonato dos Açores de Ralis com 312 pontos, mais 5 que Luís Miguel Rego. Navegado pelo seu irmão Estevão Rodrigues, Rúben Rodrigues venceu este ano em três ocasiões, nomeadamente no Além Mar Rali TAC, Rali Além Mar Ilha Lilás e PicoWines Rali, terminando em segundo nos ralis Além Mar Ilha Azul e Além Mar e foi ainda terceiro no Rali Além Mar Santa Maria. Apenas não pontuou uma vez, no Azores Rallye.

Luís Miguel Rego

Na prova disputada na Lagoa, na ilha de São Miguel, Luís Miguel Rego acabou por ser o vencedor do Além Mar Rali, última prova do Campeonato dos Açores de Ralis. O piloto do Skoda Fabia Rally2 Evo venceu nove das 10 classificativas que compunham a organização do Grupo Desportivo e Comercial, terminando com uma vantagem de 39,9 segundos para a concorrência.

Na segunda posição, mas a festejar a conquista do seu primeiro título açoriano da modalidade, ficou Rúben Rodrigues, com um Citroën C3 Rally2, seguido de Pedro Vale em Mitsubishi Lancer Evo IX. O lugar mais baixo do pódio foi mesmo um dos polos de interesse dos quilómetros finais do evento pois Henrique Moniz, ao volante de um Mitsubishi Lancer Evo VIII, tudo fez para ultrapassar Pedro Vale.

Rui Borges

RUI BORGES VENCEU O TROFÉU

DE RALIS DE TERRA DOS AÇORES

Ao volante de um Mitsubishi Lancer Evo IX, Rui Borges, quinto classificado no Além Mar Rali, triunfou a jornada do Troféu de Ralis de Terra dos Açores e conquistou o “rútulo” de vencedor da competição promovida pela Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting.

O segundo posto no troféu acabou por ir parar às mãos de Hugo Alcântara, piloto com um Citroën Saxo Cup que liderava a pontuação da competição até ao final da manhã mas desistiu já no decorrer da última secção, devido a despiste. O terceiro posto final ficou na posse de Rui Torres com um Ford Escort RS Mk II

A classificação final oficiosa TRTA icou ordenada da seguinte forma: 1.º Rui Borges, 89; 2.º Hugo Alcântara, 84; 3.º Rui Torres, 84; 4.º Bruno Tavares, 77; 5.º Gilberto Ferreira, 71.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.