Rodrigo Correia fortalece Astrilusa Racing Team

O Autódromo Internacional do Algarve volta a estar no centro de todas as atenções. Depois da Fórmula 1 e MotoGP, com o triunfo fantástico de Miguel Oliveira, agora é a vez do Troféu C1 com a participação do piloto de ralis mais jovem de Portugal integrado na equipa Astrilusa Racing Team.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

Está tudo a postos para a derradeira prova do Troféu C1 e Single Seater Series a desenvolver este fim-de-semana no Algarve Race Meeting, programa promovido em parceria com o Open de Portugal de Velocidade. Na competição da Motor Sponsor, o Autódromo Internacional do Algarve espalha magia e emoções fortes, muito por culpa das inúmeras candidaturas ao triunfo, tanto na categoria PRO como na AM.

Nesta última categoria, Rodrigo Correia, de Oliveira de Frades, jovem de 16 anos de idade, é um dos pilotos que alinham no traçado desenhado próximo de Portimão para fazer equipa com Rui Palos, Miguel Palos, Pedro Gil e o tio António Correia, em defesa das cores Astrilusa Racing Team.

As equipas WallUp FarmaOne e Astrilusa Racing Team estão separadas por apenas dois pontos, com vantagem para a primeira, embora a segunda apresente o “jocker” para, legitimamente, alcançar o “jackpot”. O equilíbrio tem sido a nota dominante, mas a equipa apoiada por autolook.pt está fixada num bom resultado e, no traçado sulista, não pretende perder o norte. Na “Montanha Russa” do “tabuleiro” das 14 curvas, Rodrigo Correia vai ajudar a esgrimir argumentos com os companheiros de equipa na Astrilusa Racing Team, levando na “bagagem” um enorme “pacote” de ambição: «O meu objectivo passa, essencialmente, por ajudar os meus novos companheiros que tão bem tem defendido as cores da Astrilusa Racing Team. Não vou prometer nada, evidentemente, mas a única certeza que tenho é de que vou dar o melhor com o que sei e posso», referiu o piloto autoloo.pt

Na competição automóvel por influência do pai, é, no entanto, ao lado do tio António que Rodrigo Correia vai alinhar no Autódromo Internacional do Algarve. Agora companheiros de equipa na Astrilusa Racing Team, a serenidade de tio e sobrinho vão procurar, juntamente com Rui Palos, Miguel Palos, Pedro Gil conduzir o pequeno Citroën C1 ao lugar mais alto do pódio.

Este fim-de-semana, no Algarve, os calções e a toalha estão fora de hipótese. Os pilotos Astrilusa Racing Team vão desafiar os limites no sentido, único e obrigatório, de chegarem ao topo da classificação. Mas com consciência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *