Ricardo Porém prossegue em prova focado em Lima

A sétima etapa do Rali Dakar, que tinha início e chegada em San Juan de Marcona, foi madrasta para a dupla Ricardo Porém e Jorge Monteiro, com a queda abrupta numa duna e a quebra de dois amortecedores, mas continua em prova, embora atraso na classificação.

(auto.look2010@gmail.com)

Depois de um início de segunda semana, onde tinham inclusivamente subido na classificação geral, a dupla portuguesa sofreu ontem um duro revés nos seus objectivos, tendo perdido muito tempo na etapa. Apesar do percalço, a dupla leiriense encontra-se bem fisicamente, tendo inclusive terminado a etapa.

«Infelizmente as coisas não correram bem. Ao quilómetro 200 da especial sofremos uma queda de uma duna. Estávamos num bom ritmo e foi como se tivéssemos ficado sem chão de um momento para o outro. O Jorge e eu estamos bem e levámos o Can-Am até ao final da etapa, mesmo sem amortecedores, por mais de 100km».

O boletim clínico da dupla portuguesa é estável, sendo que tanto Ricardo Porém como Jorge Monteiro não sofreram qualquer fractura. A oitava especial do Rally Dakar, antepenúltima da competição organizada pela ASO, liga San Juan de Marcona a Pisco, num total de 575km, 360 km dos quais cronometrados.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação