Rally Raid faz “vibrar” Marco de Canaveses

Com organização a cargo do Motor Clube do Marco, a terceira prova do Campeonato Nacional Rally Raid cumpre no próximo fim‑de‑semana, de 22 a 24 de Novembro, em Marco de Canaveses, com passagem por Amarante, Mondim, Marão e Baião.

Texto: CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com) – Fotos: JOÃO DA FRANCA / GÓIS MOTO CLUBE

A prova desenhada em torno dos cerca de 375 quilómetros que integra a terceira prova do Campeonato Nacional Rally Raid terá a sexta-feira reservada aos habituais procedimentos de verificações técnicas e documentais, bem como ao “briefing” e distribuição de “road-book”, enquanto sábado e domingo serão de pura emoção e adrenalina.

No sábado, primeiro dia de competição, pilotos e máquinas terão pela frente pouco mais de 250 quilómetros de sectores selectivos, seguindo-se mais 124 no domingo, para fechar a prova, que terá um total de seis sectores selectivos, quatro a cumprir no primeiro dia e os restantes no segundo dia.

Amarante, Mondim, Marão e Baião serão pontos de passagem para a caravana que irá, certamente, ser animada e onde os pilotos terão que apelar ao seu conhecimento e rapidez para serem os mais rápidos possíveis.

Na última jornada, disputada nos concelhos de Góis, Arganil, Oleiros e Pampilhosa da Serra, a vitória sorriu a António Maio (Yamaha). Com a chuva e as baixas temperaturas típicas da região e do ano a acompanharem a caravana, o piloto alentejano soube dominar as operações no primeiro dia, batendo Mário Patrão e Fausto Mota, segundo e terceiro classificados, respectivamente. O campeão em título, Bruno Santos, foi quarto classificado no fecho do dia, cabendo a Bruno Borrego o quinto lugar.

No entanto, o piloto de Marco de Canaveses, Fausto Mota, foi o mais rápido no segundo e decisivo dia de prova, cruzando os 120 quilómetros desenhados pelo Góis Moto Clube com muita determinação, cruzando a linha de chegada com escassos 23 segundos de vantagem sobre António Maio, seguidos por Mário Patrão, Bruno Santos e Bruno Borrego.

Refira-se que, nas contas finais da prova, António Maio saiu de Góis na qualidade de vencedor, com pouco mais de cinco minutos de vantagem sobre Mário Patrão. O pódio ficou encerrado por Fausto Mota, na frente de Bruno Santos e Bruno Borrego.

Nos SSV, foi a dupla Nuno Guilherme e Susana Anastácio que venceu com mais de 20 minutos de vantagem sobre David Rodrigues e Cláudia Ramos. O pódio foi encerrado por Rui Farinha e Rui Pita. Nos quads venceu o espanhol Angel Muiño e, na Promoção, foi Rui Matias quem subiu ao degrau mais alto do pódio.

Com um cenário completamente diferente daquele que foi apresentado pelo Góis Moto Clube, pilotos e máquinas terão nova oportunidade para “saciar a fome” de vitória, com o piloto Fausto Mota, a acelerar em casa, a ter a legítima ambição de querer coleccionar pontos preciosos para o Campeonato Nacional Rally Raid.

PROGRAMA / HORÁRIO

SEXTA-FEIRA (22 DE NOVEMBRO)

17h00 – Abertura do Secretariado e entrega road-book da 1.ª etapa e verificações técnicas e documentais.

20h00 – Briefing (Etapa 1)

24h00 – Encerramento secretariado e verificações técnicas e documentais.

SÁBADO (23 DE NOVEMBRO)

07h30 – Início da Etapa 1

17h00 – Encerramento do Controle de Chegada

18h00 – Divulgação oficial dos resultados da Etapa 1

19h00 – Briefing da Etapa 2 e Jantar

 

 

DOMINGO (24 DE NOVEMBRO)

07h30 – Início da Etapa 2

13h30 – Encerramento Controle de Chegada

14h00 – Divulgação oficial dos resultados da Etapa 2 e Finais

14h30 – Almoço volante e entrega de prémios

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação