Rally de Portugal: “um caso de sucesso ambiental”

Apesar de não ser disciplina olímpica, o Comité Olímpico Internacional reconhece o desporto motorizado como parte do Movimento Olímpico.

(auto.look2010@gmail.com)

A organização do Vodafone Rali de Portugal anunciou hoje que a prova pontuável para o Campeonato do Mundo de Ralis (WRC) ter sido reconhecida pelo Comité Olímpico Internacional (COI) como «primeiro caso de sucesso do desporto motorizado para a sustentabilidade ambiental», sendo destacado «o trabalho levado a cabo na gestão de resíduos».

«Com mais de um milhão de espectadores ao longo dos quatro dias da prova, a rede de voluntários e a colaboração com a Agência Portuguesa do Ambiente e os vários municípios abrangidos foram determinantes para a renovação da certificação ambiental da Federação Internacional do Automóvel», refere o sítio oficial do Vodafone Rally de Portugal.

Apesar de não ser disciplina olímpica, o COI reconhece o desporto motorizado como parte do Movimento Olímpico, acrescenta a organização do Vodafone Rali de Portugal: «Através do seu programa de acreditação ambiental, a FIA tem como objectivos reduzir o impacto ambiental das provas do mundial de ralis, sensibilizar a comunidade desportiva para a preservação do meio ambiente e incentivá-la a adoptar medidas adicionais de sustentabilidade», relembra o sítio oficial da prova lusitana.

Na sequência da resolução da Assembleia Geral das Nações Unidas sobre a importância do desporto no apoio à Agenda para o Desenvolvimento Sustentável 2030, o COI criou o Projecto de Sustentabilidade de Federações Internacionais, cujo fim é o de avaliar o trabalho dessas instituições quanto a políticas de sustentabilidade ambiental nos seus eventos.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação