PRK Sport: dose dupla na Baja Portalegre 500

Duplas Pedro Dias da Silva/José Janela com a Ford Ranger EXR 05 e e Michael Braun/Ivo Santos no Mazda CX-5 Proto estão prontos para abordar a prova do Automóvel Club de Portugal.

(auto.look2010@gmail.com)

A PRK Sport está pronta para alinhar na Baja Portalegre 500, prova que nesta sua 33.ª edição, e como tem sido hábito, serve de jornada de encerramento do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno (CPTT) 2019.A estrutura orientada por Pedro Dias da Silva, simultaneamente responsável e piloto da equipa de Tomar, e que é navegado por José Janela, vê-se reforçada nesta importante prova do ACP Motorsport pela integração de uma segunda dupla de pilotos, formada pelo austríaco Michael Braun e pelo seu experiente e habitual navegador, o tomarense Ivo Santos.

«Será uma dupla aposta da da PRK Sport para esta última jornada do ano, a icónica e sempre difícil Baja Portalegre 500”, começa por referir Pedro Dias da Silva: «Por um lado eu e o José Janela mantemo-nos a bordo da Ford Ranger EXR 05, uma das pick-ups mais competitivas da categoria T1, enquanto o Michael e o Ivo irão usar o Mazda CX-5 Proto, viatura com que já vencemos o “Evento Nacional” desta prova – e fomos oitavos da geral no ano passado – e que, para além disso, nos levou ao segundo título consecutivo de “Campeões’” do Desafio Total Mazda.

Será apenas a segunda participação deles em provas do CPTT, mas a rápida adaptação que revelaram na recente Baja de Idanha-a-Nova e o facto de se apresentarem aos comandos de uma viatura mais competitiva são motivos sólidos para se acompanhar de perto a sua prestação.

Destacando-se como esquiador alpino na Áustria, Michael Braun vive no nosso país há mais de 10 anos. Conta com uma licença desportiva nacional fruto do seu percurso nos ralis de regularidade histórica, no Troféu NDM Leiria e, mais recentemente, no “Beira Baixa Challenge”, competição que lidera, para além de outras pontuais participações em ralis regionais, sempre ao volante de bem preparados modelos BMW.

Por seu lado, recorde-se que Pedro Dias da Silva está ainda em luta pelos títulos de Pilotos do presente CPTT 2019, sendo o actual 2.º classificado da sua categoria, em igualdade pontual com outro adversário. Já José Janela lidera, com margem mínima, o ranking de Navegadores, pelo que o resultado de conjunto que alcançarem nesta última Baja do ano definirá o lugar do pódio em que terminarão este CPTT 2019.

A Baja Portalegre 500 corre-se este fim-de-semana, compondo-se de três etapas, para um percurso total de 766,57 km, dos quais 508,10 km cronometrados. A 1.ª etapa (esta quinta-feira) serviu apenas para a Cerimónia de Partida, no Jardim do Tarro, no centro de Portalegre, desenrolando-se, nos dois dias seguintes, a parte competitiva desta última baja do ano. A etapa desta sexta-feira integra um Prólogo (SSS) de 5,35 km e 1 Sector Selectivo, com 99,22 km, completando-se a prova no sábado numa 3ª etapa com dois Sectores Selectivos de extensão mais significativa – 191,75 km (SS2) e 211,78 km (SS3), antecipando a posterior consagração dos vencedores da icónica jornada portalegrense.

Este projecto no CPTT conta, entre outros apoios, com o patrocínio da Câmara Municipal de Tomar, no âmbito da sua assinatura “Cidade Templária”, uma urbe fundada por D. Gualdim Pais em 1160, outrora sede das Ordens Militares do Templo e de Cristo e que teve o Infante D. Henrique como um dos responsáveis pelo seu crescimento.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação