Pierre Gasly com ordem para acelerar…

Piloto francês superou a concorrência na primeira sessão de treinos livres para o Grande Prémio da Grã-Bretanha, com o tempo de 1m27,173s, com Valtteri Bottas no segundo posto, a 0.456s e Max Verstappen em terceiro, a 0.836s.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Pierre Gasly (Red Bull/Honda)

O francês Pierre Gasly (Red Bull/Honda) surpreendeu ao registar o melhor tempo, na primeira sessão de treinos livres para o GP de Inglaterra, batendo o finlandês Valltteri Bottas (Mercedes) por quase meio segundo (0,456”).

“Ameaçado” por Helmut Marko, uma das personagens mais importantes da equipa austríaca, que lhe “exigiu” que andasse ao nível do holandês Max Verstappen, seu companheiro de equipa, que dispõe, do ponto de vista teórico, do mesmo material, sob pena de poder perder o volante ainda durante a corrente época, o francês deu uma resposta cabal e “esmagou” a concorrência, de forma clara.

Valltteri Bottas (Mercedes)

Foi sob a ameaça de chuva, que chegou a cair durante um curto espaço de tempo, o que levou a que os carros ficassem nas “boxes”, mas com o asfalto seco, ou, eventualmente, húmido, que os carros estiveram na pista em Silverstone, embora haja quem tenha aproveitado para fazer algumas voltas com pneus intermédios, para o caso da chuva aparecer, com mais intensidade, o que, segundo as previsões, poderá suceder esta tarde ou amanhã.

Para já, registe-se as três marcas que dominam a temporada, ocupam as seis primeiras posições, com Max Verstappen (Red Bull/Honda) a registar o terceiro tempo e o inglês Lewis Hamilton (Mercedes), o quarto, à frente dos dois Ferrari, onde o monegasco Charles Leclerc suplantou o alemão Sebastian Vettel.

Max Verstappen (Red Bull/Honda)

Ao contrário do que tem sucedido em tantas ocasiões, a Renault suplantou a McLaren, com o alemão Nico Hulgenberg e o australiano Daniel Ricciardo, os pilotos da marca do losango a serem os melhores dos “outros”, com o inglês Alexander Albon (Toro Rosso/Honda) e o espanhol Carlos Sainz (McLaren/Renault) a fecharem o lote dos 10 mais rápidos.

De assinalar que os Williams, em especial o inglês George Russell, estiveram mais perto da concorrência, que houve vários pilotos que excederam os limites da pista e outros a queixarem-se da qualidade do asfalto, que é novo, mas que continua a ser ondulado.

 

 

TEMPOS DO TREINO

PILOTOCARROMOTOR1.º TREINO
    
Pierre GaslyRed Bull RB15Honda1’27,173″
Valtteri BottasMercedes W10Mercedes1’27,629″
Max VerstappenRed Bull RB15Honda1’28,009″
Lewis HamiltonMercedes W10Mercedes1’28,122″
Charles LeclercFerrari SF90Ferrari1’28,253″
Sebastian VettelFerrari SF90Ferrari1’28,304″
Nico HulkenbergRenault RS19Renault1’28,803″
Daniel RicciardoRenault RS19Renault1’29,011″
Alexander AlbonToro Rosso STR14Honda1’29,093″
Carlos SainzMcLaren MCL34Renault1’29,162″
Lando NorrisMcLaren MCL34Renault1’29,170″
Sergio PerezRacing Point RP19Mercedes1’29,453″
Danill KvyatToro Rosso STR14Honda1’29,500″
Lance StrollRacing Point RP19Mercedes1’29,657″
Antonio GiovinazziAlfa Romeo C38Ferrari1’30,099″
Kevin MagnussenHaas VF-19Ferrari1’30,605″
George RussellWilliams FW 42Mercedes1’30,741″
Kimi RaikkonenAlfa Romeo C38Ferrari1’30,747″
Romain GrosjeanHaas VF-19Ferrari1’30,811
Roberto KubicaWilliams FW 42Mercedes1’32,121″

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação