Peterhansel e Fiúza somam terceiro triunfo

A nona etapa do Dakar foi recheada de uma luta intensa entre Stéphane Peterhansel e Nasser Al-Attiyah, mas o piloto francês navegado pelo português Paulo Fiúza não abrandou os ímpetos e superou o príncipe do Qatar por 15 segundos…

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt) – EM ACTUALIZAÇÃO

Quem porfia sempre alcança e, como diz o ditado, “não há duas sem três”. Stéphane Peterhansel (Mini) não desperdiçou a oportunidade de voltar a vencer uma etapa, o terceiro triunfo em solo da Arábia Saudita. Tratou-se de uma tirada imprópria para cardíacos, com o “Sr. Dakar”, navegado pelo mafrense Paulo Fiúza, a esgrimir argumentos com Nasser Al-Attiyah (Toyota Hilux) até ao fim.

Stéphane Peterhansel andou sempre na frente, mas um pequeno deslize poderia deitar tudo a perder. Com os índices de concentração no máximo, dado que Nasser Al-Attiyah não desarmava, o piloto francês desenhou uma prova perfeita na imensidão das dunas da Arábia Saudita com a exímia colaboração de Paulo Fiúza, cotando-se o mais rápido com o tempo total de 3h08m31s.

Nasser Al-Attiyah terminou logo atrás, a 15 segundos de diferença, cabendo a terceira posição ao piloto da “casa”, o árabe Yasir Seaidan (Mini), a 4m48s do vencedor, com o polaco Jakub Przygonski (Mini), a terminar no quarto posto, a 6m23s. O espanhol Carlos Sainz, também em Mini, fechou o “top five, a 6m32s da dupla Stéphane Peterhansel e Paulo Fiúza.

Perante estes resultados, Carlos Sainz permanece na liderança, com o tempo total de 35h11m54s, mas viu Nasser Al-Attiyah a reduzir a diferença para 24 segundos. Já Stéphane Peterhansel e Paulo Fiúza estão agora a somente 6m38s do topo da classificação geral.

Esta quarta-feira disputa-se a 10.ª de 12 etapas da prova que este ano trocou a América do Sul pela Arábia Saudita, com uma ligação entre Haradh e Shubaytah, com uma distância total de 608 quilómetros, 534 deles cronometrados. Esta será a primeira parte de uma etapa maratona, em que os pilotos só poderão receber assistência de outros competidores, tendo ainda 30 quilómetros de dunas na parte final do percurso.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação