Pedro Pereira Jr. de Yaris no “Luso-Bussaco”

Jovem lusense, co-pilotado por Sandro Trindade, vai aproveitar a oportunidade para prosseguir o desenvolvimento desportivo ao volante de um Toyota Yaris, muito diferente do Peugeot 107 de especificações Challenge 1000 a que está habituado. Uma estreia prometedora.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

O piloto de Luso, Pedro Pereira Jr., alinha pela primeira vez no Rally Legends Luso-Bussaco ao volante de uma viatura de competição, depois de ter vivido idêntica proeza mas no banco direito de uma viatura de segurança. Tratou-se de um Toyota Corolla conduzido pelo progenitor Pedro Pereira, numa aventura que terminou cedo demais com uma avaria no carro da marca nipónica.

«Vai ser uma estreia ao volante de uma viatura mais potente daquela que, habitualmente, me permitiu iniciar os primeiros passos na competição. A participação na prova do Clube LusoClássico será ao volante de um Toyota Yaris, em vez do Peugeot 107 com as especificações do Challenge 1000», começou por sustentar o piloto lusense que, mais uma vez, terá Sandro Trindade na qualidade de co-piloto.

«Depois da experiência o ano passado, ao lado do meu pai, num Toyota Corolla, “criei” um puzzle na minha cabeça, alimentando um legítimo propósito de também figurar na lista de pilotos que alinharam no Rally Legends Luso-Bussaco, com a explícita percepção de também experimentar o mítico troço do Bussaco», adiantou Pedro Pereira Jr.

Se a estreia absoluta do jovem piloto de Luso numa das mais mediáticas e emblemáticas provas que fizeram parte do saudoso Rali de Portugal em plena Serra do Buçaco é, por si só, uma conjuntura de júbilo, conduzir um Yaris não deixa de ser arrebatador.

«De facto existem enormes dissemelhanças entre o Toyota e o Peugeot 107, duas viaturas absolutamente discrepantes a todos os níveis. No entanto, vou utilizar alguma experiência acumulada para diligenciar conhecimento mais apurado aos comandos do Toyota Yaris. Sem entrar em loucuras, esse apuro será efectuado de forma paulatina e à medida que a prova se vai desenrolando», vincou Pedro Pereira Jr.

Desportivamente, o piloto lusense, que, nesta “viagem”, conta com a cumplicidade do co-piloto e amigo Sandro Trindade, aspira «fazer o melhor que puder no capítulo genérico, satisfazendo, acima de tudo, os compromissos assumidos com os nossos parceiros».

«O Rally Legends Luso-Bussaco é uma prova recente mas já com alguma história, tendo feito questão de a incluir no meu calendário deste ano, não apenas por ser um piloto da “casa”, em que vou ser bafejado com o apoio dos meus conterrâneos, mas também uma nova oportunidade de expor os meus parceiros acima referidos, a maioria dos quais sediados neste vasto território», asseverou o piloto.

Refira-se que a dupla formada por Pedro Pereira Jr. e Sandro Trindade “transportam” a imagem dos parceiros Dizainne, Dronezone, Churrasqueira Rocha, Garagem HM, MFG Consultants, Diogo Ribeiro – Arquiteto, Junta de Freguesia de Luso, Green Partner – Conservação Florestal, Anadia Cabecinho Hotel, www.autolook.pt; Lighthouse Portugal, Kenda Tyres, Challenge 1000cc, Art of Speed, Koi Trading e Termas de Luso.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação