Pedro Pereira dominador no Rali de Alvaiázere

Depois da performance no Rali da Bairrada, em Vagos, prova inaugural do Campeonato Start Centro de Ralis, que abandonou após um toque quando liderava, o jovem piloto do Buçaco desenhou um triunfo quase imaculado no Rali de Alvaiázere.

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

Aos comandos de um Peugeot 208 R2, a dupla formada por Pedro Pereira e Tiago Silva venceu a segunda ronda do Campeonato Start Centro de Ralis, depois de ser a mais rápida em três das quatro especiais que integravam o percurso, com o tempo de 35m35,2s.

Numa manifestação de superioridade que ninguém foi capaz de contestar, o jovem piloto bairradino encarou o calor que e fez sentir para se colocar definitivamente no firmamento dos ralis e conquistar o seu primeiro triunfo na modalidade à geral,

Naturalmente que o Rali de Alvaiázere terá um lugar muito especial no seu coração, bem como dos seus parceiros e familiares, ao vencer ao abrasamento da temperatura e de forma inolvidável na prova do Clube Automóvel da Marinha Grande. Um verdadeiro espectáculo.

«Chegámos ao final do Rali de Alvaiázere com a nossa primeira vitória à geral. Naturalmente que estamos muito felizes e extremamente gratos por toda a ajuda durante esta prova. Vamos celebrar a vitória já focados no Rali de Alitém, o nosso próximo compromisso», sublinhou Pedro Pereira, que conta com o apoio de Gavicar Automóveis, Arcada Imobiliária, Green Partner-Conservação Florestal, Junta de Freguesia de Luso, Lalland e Domingos Sport.

José Gomes, navegado por Fábio Reis, conduziu o Renault Clio R3 ao segundo lugar do pódio, à frente de Jorge Carvalho e Rodrigo Pinheiro, em Peugeot 208 R2, a 23,3 segundos e 41,5 segundos, dos vencedores, respectivamente.

O segundo lugar obtido em Vagos e Alvaiázere permite a José Gomes cimentar a posição de comandante do respectivo Campeonato Start Centro de Ralis.

Armando Carvalho, que faz equipa com Ana Santos no Peugeot 208 R2, era o mais directo adversário do irmão Jorge Carvalho, mas um problema na segunda especial custou-lhe um atraso de oito minutos e acabou por abandonar, o que compromete as suas aspirações ao título.

A dupla Viana Martins e Gonçalo Palmeira (Renault Clio 3 RS), ficou na quarta posição, a 1m36,0s dos vencedores, cabendo a Fábio Santos e Luís Ribeiro (Citroën Saxo Cup), encerrar o “top five”, a 1m38,5s do topo da classificação geral.

Classificação – 1.º Pedro Pereira/Tiago Silva (Peugeot 208 R2), 35,35,2”; 2.º José Gomes/Fábio Reis (Renault Clio R3), a 23,3”; 3.º Jorge Carvalho/Rodrigo Pinheiro (Peugeot 208 R2), a 41,5”; 4.º, Viana Martins/Gonçalo Palmeira (Renault Clio 3 RS), a 1’36,0”; 5.º, Fábio Santos/Luís Ribeiro (Citroen Saxo Cup), a 1’38,5”; 6.º, Ricardo Coelho/Pedro Santana (Toyota Starlet), a 3’28,9”; 7.º, Alexandre Ferreira/Paulo Amorim (Peugeot 309 GTi), a 3’55,8”; 8.º, Paulo Ferraz/João Ferraz (BMW 325i), a 4’13,4”; 9.º, Daniela Lopes/Soraia Silva (Citroën Saxo Cup), a 4’38,4”; 10.º, João Gago/Hugo Vieira (BMW 316), a 4’40,9”. Classificaram-se mais seis equipas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.