Paulo Neto e Vítor Hugo na “tempestade perfeita”

Paulo Neto e Vítor Hugo viajaram até ao traçado Teodósio Rally Academy, em Odemira, para uma sessão de testes de adaptação, sobretudo depois de um longo defeso, seguido de confinamento prolongado. Não faltaram doses de adrenalina uma “tempestade perfeita de poeira”

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt) – Fotos: JR BRANCO

O sol brilhou em Odemira, o céu apresentou-se azul e, na terra, uma enorme nuvem de poeira. Numa altura em que muito se fala da “tempestade de poeira” em Portugal proveniente do Deserto do Saara, em Marrocos, no norte de África, foi no Alentejo, às portas do Algarve, que a poeira levantou e as suas partículas espalharam-se a cada passagem de uma viatura de competição.

Aos comandos de um Skoda Fabia R5, Paulo Neto concentrou-se no desafio e cumpriu os objectivos traçados, onde efectuou um conjunto de voltas a uma pista de excelência com cerca de 4 km, nas instalações da Teodósio Rally Academy, sitas na EN 262, em Chaminé de Baixo, concelho de Odemira.

Navegado pelo cantanhedense Vítor Hugo, o piloto sintrense alcançou registos que o ajudam a definir os propósitos o Campeonato de Portugal de Ralis que se avizinha, perfazendo cerca de 80 km bastante proveitosos e bastante profícuos. Tratou-se de um «teste de adaptação ao Skoda Fabia R5, em que já não competíamos há cerca de seis meses – a última aprova foi o Rallye Vidreiro Centro de Portugal, na Marinha Grande – e muito mais tempo em pisos de terra», afirmou Vítor Hugo.

«Pode-se afirmar que estivemos perante um teste muito produtivo e com muito boas indicações e, na versão de cerca de 4 quilómetros da pista, a evolução foi constante. A viatura esteve sempre impecável e o ritmo foi aumentando substancialmente, atingindo já parte final andamentos muito elevados», acrescentou o experiente navegador de Cantanhede.

Ainda de acordo com Vítor Hugo, «é importante manter a cadência obtida sempre que for possível, a fim de chegar nas condições desejáveis na primeira prova do Campeonato de Portugal de Ralis, o Rali Terras D’aboboreira, na estrada de 30 de Abril a 2 de Maio». «Não vai ser fácil, atendendo ao actual momento de pandemia que atravessamos, mas é importante prosseguir com os objectivos delineados para a presente temporada», afiançou o navegador de Paulo Neto.

Apesar da longa paragem, a dupla Paulo Neto e Vítor Hugo está motivada por voltar a sentir o pulsar do Skoda Fabia R5, viatura preparada pela ARS Sport, equipa de Aguiar da Beira que voltou a executar um trabalho notável, desta vez no Alentejo.

Vítor Hugo aproveitou a embalagem para deixar «um agradecimento à ARC Sport por colocar a viatura nas perfeitas condições, bem como à Teodósio Rally Academy, que nos proporcionou um teste distinto, que nos recebeu muitíssimo bem e que nos presenteou com um espaço de excelência direccionado ao desporto automóvel».

Refira-se que a Teodósio Rally Academy é um novo projecto situado em Odemira que privilegia os entusiastas dos ralis e todo-o-terreno, oferecendo educação profissional para pilotos e navegadores, experientes ou iniciantes. Naquele espaço é possível adquirir experiência de condução e navegação para todos os que desejam experimentar diferentes carros de ralis, Kartcross ou SSV. Ou entre num Dirtkart e experimente a única pista de DirtKarting da Europa. Independentemente do programa que escolher, garantimos que terá uma experiência inesquecível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *