Paulo Gonçalves abandona Dakar

Piloto português da Monster Energy Honda Team traído por uma queda no quinto dia

A sorte voltou a abandonar Paulo Gonçalves. Depois de ter entrado nas duas últimas etapas no “top ten”, o piloto de Esposende que defende as cores da Monster Energy Honda Team, foi forçado a abandonar esta tarde o Dakar, ao sofrer uma aparatosa queda no decurso da quinta etapa, que era a segunda parte da primeira tirada maratona.

De acordo com informação do site oficial, Paulo Gonçalves sofreu um ligeiro traumatismo craniano, com suspeita de ter fraturado a mão direita.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação