Patrick Martin bate camiões na Mauritânia

O francês da Mercedes venceu a sexta de 12 etapas da Africa Eco Race, que esta segunda-feira chegou à Mauritânia. O piloto gaulês gastou 1h32m33s para cumprir os 176 quilómetros do Sector Selectivo, deixando o belga Igor Bouwens, num camião Iveco, a 2m29s. João Rolo (KTM) terminou no 55.º lugar entre as duas rodas e Fernando Barreiros (Isuzu) no 51.º posto, nos automóveis.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Apesar de ter sido o mais rápido no Sector Selectivo (SS), o francês Patrick Martin (Mercedes Benz), o que lhe permitiu ascender ao segundo lugar, passou a ser o único automóvel no meio dos camiões que ocupam cinco dos seis primeiros lugares da classificação conjunta, com o belga Igor Bouwens (Iveco) a manter o comando, com pouco mais de seis minutos de vantagem sobre o líder.

Mau dia para o francês Yves Fromont (Buggy), segundo à entrada da Mauritânia, a escassos seis segundos do belga, mas que teve uma etapa para esquecer e a ficar pelo caminho deixando ao seu compatriota Patrick Martin a responsabilidade de bater os “pesos pesados”.

Dia também mau para os homens da frente nas duas rodas, onde o australiano Matt Sutherland (KTM) foi o mais rápido, com os candidatos à vitória a acabarem o SS para lá do décimo lugar, com o norueguês Pal Anders Ullevalseter (KTM) a ser 15.º e o italiano Alessandro Botturi (Yamaha) 20.º, com o norueguês a reduzir para pouco mais de dois minutos o atraso em relação ao comandante da prova, pelo que tudo continua em aberto no que diz respeito à vitória final.

O australiano Matt Sutherland estreou-se assim a vencer uma etapa, gastando 1h46m13s com o italiano Giovanni Gritti (Honda), segundo, a demorar mais 1m16s e o também italiano Paolo Lucci (Husqvarna) em terceiro a mais 1m39s. Entre os portugueses, João Rolo (KTM) foi 55.º no SS, a 45m22s do vencedor, enquanto Fernando Barreiros (Isuzu) concluiu a especial no 51.º posto. Fernando Barreiros (Isuzu) continua na caravana, mas, com as penalizações acumuladas, já leva 57h27m22s de atraso para o líder.

 

ETAPA PARA ESTA TERÇA-FEIRA

Mais um dia em que todo o percurso (477,95 km) é feito em SS, com a partida a ser dada no acampamento em Chami e a chegada a acontecer à entrada do acampamento em Aidzidine. A prova está em plena Mauritânia e o SS será todo ele percorrido fora de pistas, ou seja em navegação pura, com dunas e erva de camelo a obrigarem a cuidados redobrados, havendo uma parte que acompanha o caminho de ferro do país, podendo o sentido do vento complicar a passagem das dunas por poder alterar o seu aspecto.

CLASSIFICAÇÕES

7.ª ETAPA (176,57 KM)

MOTOS – 1.º, Matt Sutherland (KTM), 1.46’13”; 2.º, Giovanni Gritti (Honda), a 1’16; 3.º, Paolo Lucci (Husqvarna), a 1’39”; 4.º, Pavel Stasiaczek (KTM), a 3’11”; 5.º, Konrad Dabrowski (KTM), a 3’56”; …; 55.º, João Rolo (KTM), a 45’22”

AUTOMÓVEIS/CAMIÕES – 1.º, Patrick Martin/Lucas Martin (Mercedes Benz), a 2’29”; 2.º, Igor Bouwens/Ulrich Boerboom/Frits Driesmans (Iveco), 3.36’03”; 3.º, Miklos Kovacs/Laszlo Acs/Peter Czegledi (Scania), a 7’40”; 4.º, Karoly Fazekas/Albert Horn/Peter Csakany (Scania), a 8’02”; 5.º, Bernard Touzery/Frédéric Ganache (Optimus), a 9’17”; (…); 51.º Fernando Barreiros/Nuno Barreiros (Isuzu), a 5h36m27s.

GERAL

MOTOS – 1.º, Alessandro Botturi (Yamaha), 21.39’21”; 2.º, Pal Anders Ullevalseter (KTM), a 2’05”; 3.º, Lyndon Poskitt (KTM), a 21’19”; 4.º, Jacek Czachor (KTM), a 41’19”; 5.º, Paolo Lucci (Husqvarna), a 51’08”; …; 65.º, João Rolo (KTM), a 51.04’56”

AUTOMÓVEIS/CAMIÕES – 1.º, Igor Bouwens/Ulrich Boerboom/Frits Driesmans (Iveco), 21.02’14”; 2.º, Patrick Martin/Lucas Martin (Mercedes Benz), a 6’33”; 3.º, Miklos Kovacs/Laszlo Acs/Peter Czegledi (Scania), a 16’19”; 4.º, Noel Essers/Marc Lauwers/Tijs Vranken (MAN), a 2.45’12”; 5.º, Karoly Fazekas/Albert Horn/Peter Csakany (Scania), a 2.53’38” (…); 47.º Barreiros/Nuno Barreiros (Isuzu), a 57h27m22s.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: