Patrícia Mamona e João Pereira embaixadores Toyota

Após a parceria da Toyota para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020 e da parceria nacional estabelecida em setembro 2017 entre a Toyota Caetano Portugal e Comité Olímpico de Portugal, este anúncio renova o compromisso da marca com o evento mundial.

(auto.look2010@gmail.com)

2019 Gama Toyota Corolla

A Toyota acaba de confirmar a sua associação a Patrícia Mamona e João Pereira, duas das principais esperanças nacionais para os jogos olímpicos de 2020. Quer a marca, quer os atletas partilham o mesmo espírito de superação e busca pela melhoria contínua. A Toyota Caetano Portugal e o Comité Olímpico de Portugal assinaram, dia 14 de setembro de 2017, um protocolo de parceria que vai garantir, até 2020 – ano da realização dos Jogos Olímpicos, no Japão – uma cooperação na área da mobilidade, contribuindo desta forma para melhorar as condições de preparação, desenvolvimento e desempenho dos atletas portugueses.

O anúncio desta parceria entre o representante nacional das marcas Toyota e Lexus e o Comité Olímpico de Portugal é feito após, em 2016, ter sido comunicada a parceria mundial entre a Toyota Motor Corporation e o Comité Olímpico Internacional, na categoria de mobilidade, e a qual inclui a cedência de viaturas e serviços.

2019 Gama Toyota Corolla

Com esta parceria nacional da Toyota com os dois atletas, a marca leva mais além o compromisso global assumido para o desporto e a comunidade, estabelecendo-se como viatura oficial do Comité Olímpico de Portugal, e dando o primeiro passo para o desenvolvimento de produtos de mobilidade sustentável e com soluções específicas para apoiar a prática das várias modalidades e melhor desempenho dos atletas, assim como para desenvolver diferentes iniciativas de responsabilidade social na área do desporto, comunidade e promoção de uma vida saudável, ao longo da vigência desta parceria.

Ao nível mundial, a Toyota vai concretizar esta parceria com o Comité Olímpico Internacional, com os vários Comités organizadores dos Jogos Olímpicos e com os Comités Olímpicos Nacionais de todo o mundo, disponibilizando soluções de mobilidade sustentável para contribuir para uma maior segurança e eficiência, incluindo sistemas de transporte inteligentes e sistemas de comunicações.

Esta parceria apoia um dos objetivos da Agenda Olímpica 2020, o roteiro estratégico do Movimento Olímpico para o futuro, que tem como principal pilar a sustentabilidade. Através desta parceria, a Toyota, em conjunto com a Lexus, pretende abraçar o espírito dos Jogos Olímpicos, transmitindo-o no dia-a-dia às suas equipas e mais em concreto com estes dois atletas.

A Toyota tornou-se parceiro oficial de mobilidade mundial do Comité Olímpico Internacional (COI) e do Comité Paralímpico Internacional (IPC) em 2015, no sentido de contribuir para o bom funcionamento dos Jogos de Tóquio 2020, fornecendo as mais recentes soluções de tecnologia e mobilidade.

A Toyota apoia também na construção da antecipação dos Jogos através de atividades comunitárias e desportivas. A nível mundial, a Toyota tem vindo a concretizar esta parceria com o Comité Olímpico Internacional e com os Comités Olímpicos Nacionais de todo o mundo, disponibilizando soluções de mobilidade amigas do ambiente e que contribuem para uma maior segurança e eficiência, incluindo sistemas de transporte inteligentes e sistemas de comunicações.

Patrícia Mamona

PATRÍCIA MAMONA

É a principal referência do triplo salto feminino em Portugal, tendo conseguido nos Europeus de Atletismo de Amesterdão, em 2016, o seu melhor resultado de sempre, ao conquistar a medalha de ouro. Em 2017, tornou-se campeã da Europa de pista coberta, em Belgrado, na Sérvia. Nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016 foi 6.ª classificada, competição na qual estabeleceu um novo recorde nacional, com a marca de 14,65m. Patrícia Mamona é detentora do recorde nacional de Triplo Salto tanto ao ar livre e de pista coberta

 

 

João Pereira

JOÃO PEREIRA

Estreou-se em Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro 2016, onde terminou na 5ª posição, depois de no Campeonato do Mundo World Triathlon Series de 2014 ter sido igualmente 5.º classificado, destacando-se nas etapas de Chicago (2.º lugar) e Londres (3.º). Em 2015 terminou o ano como 8.º melhor atleta do ranking mundial, depois de vencer a etapa da Taça do Mundo de Triatlo, de Alanya, Turquia, e do 8º lugar nos Jogos Europeus 2015, que se realizaram em Baku, Azerbaijão. Sagrou-se campeão europeu individual em 2017, tanto na distância olímpica, como na prova de sprint, e integrou a equipa de clube (Benfica) campeã europeia de estafetas, com Miguel Arraiolos, Melanie Santos e Vanessa Fernandes. João Pereira foi eleito triatleta do ano a nível Europeu em 2017.

 

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação