Ott Tanak resgatou a liderança no Rali da Sardenha

Piloto da Hyundai Motorsport não está a desperdiçar a oportunidade de dilatar a diferença para os seus mais directos adversários na Sardenha, com 30,9s de avanço para o inglês Craig Breen da formação M-Sport Ford e Dani Sordo, da Hyundai Mtorsport, segundo e terceiro, respectivamente.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Craig Breen e Paul Nagle (Ford Puma Rally1)

O estónio Ott Tanak (Hyundai i20 N Rally1) regressou ao comando do Rali da Sardenha, em Itália, logo na primeira especial do dia, onde o finlandês Esapekka Lappi (Toyota GR Yaris Rally1), que arrancou de Alghero no comando, saiu da estrada.

Também o francês Pierre-Louis Loubet (Ford Puma Rally1) perdeu algum tempo, em consequência de um furo, na parte final da classificativa, o que o relegou para o quarto lugar da geral, atrás do irlandês Craig Breen (Ford Puma Rally1) e do espanhol Dani Sordo (Hyundai i20 N Rally1).

A partir daí as posições dos quatro primeiros permaneceram imutáveis, com o estónio a impor-se em três especiais e o irlandês numa, tendo regressado a Alghero separados por 30,9 segundos, estando os quatro primeiros separados por menos de um minuto.

Dani Sordo e Candido Carrera (Hyundai i20 N Rally1)

Penalizado, ontem, por abrir a estrada, o que relegou para o oitavo lugar no final do dia, o finlandês Kalle Rovampera (Toyota GT Yaris Rally1) tem vindo a recuperar e é sexto, apesar de ter feito um pião na derradeira classificativa da manhã. Pelo caminho ficou também o belga Thierry Neuville (Hyundai i20 N Rally1) que saiu da estrada na penúltima prova de classificação da manhã.

No que diz respeito aos RC2, o norueguês Andreas Mikkelsen (Skoda Fabia Rally2 Evo) que começou o dia no comando da categoria, manteve-o até à derradeira prova de classificação da manhã, mas na última ficou parado, o que permitiu ao russo Nikolay Gryazin (Skoda Fabia Rally2 Evo) ascender ao comando, com 27,1” de avanço sobre o espanhol Jan Solans (Citroen C3 Rally2), com os dois a fecharem o lote dos 10 primeiros.

CLASSIFICAÇÃO APÓS 13 ESPECIAIS – 1.º, Ott Tanak/Martin Jarveoja (Hyundai i20 N Rally1), 1.53’36,1”; 2.º, Craig Breen/Paul Nagle (Ford Puma Rally1), a 30,9”; 5.º, Dani Sordo/Candido Carrera (Hyundai i20 N Rally1), a 41,2”; 4.º, Pierre-Louis Loubet/Vincent Landais (Ford Puma Rally1), a 55,2”; 5.º, Adrien Fourmaux/Alexandre Coria (Ford Puma Rally1), a 1’12,9”; 6.º, Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Toyota GR Yaris Rally1), a 2’04,2”; 7.º, Takamoto Katsuta/Aaron Johnston (Toyota GR Yaris Rally1), a 2’09,7”; 8.º, Gus Greensmith/Jonas Andersson (Ford Puma Rally1), a 4’01,1”; 9.º, Nikolay Gryazin/Konstantin Alexandrov (Skoda Fabia Rally2 Evo), a 4’29,8” (1.º RC2), 10.º, Jan Solans/Rodrigo Sanjuan (Citroen C3 Rally2), a 4’56,9”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.