Oitava vitória do neerlandês Max Verstappen

Piloto neerlandês desfez a igualdade com o escocês Jackie Stewart e ficou a três triunfos do inglês Nigel Mansell, sendo agora o oitavo pilotos com mais triunfos na história da Fórmula 1.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com) – Fotos: DAN MULLAN / GETTY IMAGES

Apesar de largar da 10.ª posição, o neerlandês Max Verstappen (Red Bull/Honda), com uma excelente gestão de corrida, no que diz respeito ao momento das trocas de pneus, averbou a oitava vitória do ano, em 13 corridas possíveis, 28.ª da carreira.

Tal como sucedeu a semana passada, em Paul Ricard, os dois pilotos da Mercedes secundaram o neerlandês no pódio, com o inglês Lewis Hamilton (Mercedes), que passou pelo comando da corrida pela primeira vez, este ano, a voltar a classificar-se à frente do seu compatriota, George Russell (Ferrari), que largou da “pole”.

Com pneus mais frescos, o monegasco Charles Leclerc (Ferrari) acabou por levar a melhor sobre George Russell que resistiu, durante algumas voltas aos ataques do seu adversário, mas acabaria por ver o monegasco ascender ao comando.

Na segunda paragem dos carros de Maranello, Lewis Hamilton ascendeu ao comando, mas quando parou para a última troca de pneus, Max Verstappen, que largou de 10.º e foi, paulatinamente, subindo na classificação.

O neerlandês aproveitou as paragens da concorrência e, ao efectuar algumas ultrapassagens, acabou por vencer e vai de férias com 80 pontos de avanço sobre Charles Leclerc, que terminou em sexto, atrás, ainda do espanhol Carlos Sainz (Ferrari) e do mexicano Sergio Perez (Red Bull/Honda), com as três equipas que têm dominado a temporada a monopolizarem as seis primeiras posições.

Na luta do segundo pelotão, o inglês Lando Norris (McLaren/Mercedes) voltou a ser o melhor, depois de ter feito quase toda a corrida em sétimo, com a Alpine a ver os seus pilotos posicionarem-se a seguir, com o espanhol Fernando Alonso (Alpine/Renault) a suplantar o francês Esteban Ocon (Alpine/Renault). O último ponto foi para o alemão Sebastian Vettel (Aston Martin/Mercedes).

E agora a Fórmula 1 vai de férias até ao final de Agosto, com encontro marcado para o traçado belga de Spa-Francorchamps, um circuito que, tal como Paul Ricard, pode estar de saída do calendário.

FICHA DA PROVA

Prova – Aramco Magyar Nagydij

Data – 31 de Julho

Circuito – Hungaroring

Extensão – 306,630km = 70 x 4,381 km

“Pole position” – George Russell (Mercedes W13/Mercedes), 1 volta (4,381 km), em 1’17,377” (203,828 km/h)

Grelha de partida1.ª linha: George Russell (Mercedes W13/Mercedes); Carlos Sainz (Ferrari F1-75/Ferrari); 2.ª linha: Charles Leclerc (Ferrari F1-75/Ferrari); Lando Norris (McLaren MCL36/Mercedes); 3.ª linha: Esteban Ocon (Alpine A522/Renault); Fernando Alonso (Alpine A522/Renault); 4.ª linha: Lewis Hamilton (Mercedes W13/Mercedes); Valtteri Bottas (Alfa Romeo C42/Ferrari); 5.ª linha: Daniel Riccardo (McLaren MCL36/Mercedes); Max Verstappen (Red Bull RB18/Honda); 6.ª linha: Sérgio Perez (Red Bull RB18/Honda); Guanyu Zhou (Alfa Romeo C42/Ferrari); 7.ª linha: Kevin Magnussen (Haas VF-22/Ferrari); Lance Stroll (Aston Martin AMR22/Mercedes); 8.ª linha: Mick Schumacher (Haas VF-22/Ferrari); Yuki Tsunuda (Alpha Tauri AT03/Honda); 9.ª linha: Alexander Albon (Williams FW44/Mercedes); Sebastian Vettel (Aston Martin AMR22/Mercedes); 10.ª linha; Pierre Gasly (Alpha Tauri AT03/Honda); Nicholas Latifi (Williams FW44/Mercedes)

Comandantes sucessivos – George Russell, da 1.ª à 15. Volta; Carlos Sainz, na 16.ª volta; Charles Leclerc, da 17.ª à 21.ª volta; George Russell, da 22.ª à 30.ª volta; Charles Leclerc, da 31.ª *a 39.ª volta; Carlos Sainz, da 40.ª à 46.ª volta; Lewis Hamilton, da 47.ª à 50.ª volta; Max Verstappen, da 51.ª à 70.ª volta

Volta mais rápida – Lewis Hamilton (Mercedes W13/Mercedes) 1 volta (4,381 km), em 1’21,386” (193,787 km/h)

Vencedor – Max Verstappen (Red Bull RB18/Honda), 70 voltas (306,6300 km), em 1.39’35,912” (184,719 km/h)

CLASSIFICAÇÃO

POS. PILOTO CARRO MOTOR TEMPO
1.º Max Verstappen Red Bull RB18 Honda 1.39’35,912″
2.º Lewis Hamilton Mercedes W13 Mercedes a 7,834″
3.º George Russell Mercedes W13 Mercedes a 12,337″
4.º Carlos Sainz Ferrari F1-75 Ferrari a 14,579″
5.º Sergio Perez Red Bull RB18 Honda a 15,688″
6.º Charles Leclerc Ferrari F1-75 Ferrari a 16,047″
7.º Lando Norris McLaren MCL36 Mercedes a 1’18,300″
8.º Fernado Alonso Alpine A522 Renault a 1 volta
9.º Esteban Ocon Alpine A522 Ferrari a 1 volta
10.º Sebastian Vettel Aston Martin AMR22 Mercedes a 1 volta
11.º Lance Stroll Aston Martin AMR22 Mercedes a 1 volta
12.º Pierre Gasly Alpha Tauri AT03 Honda a 1 volta
13.º Guanyu Zhou Alfa Romeo C42 Ferrari a 1 volta
14.º Mick Schumacher Haas VF-22 Ferrari a 1 volta
15.º Daniel Ricciardo McLaren MCL36 Mercedes a 1 volta
16.º Kevin Magnussen Haas VF-22 Ferrari a 1 volta
17.º Alexander Albon Williams FW14 Mercedes a 1 volta
18.º Nicholas Latifi Williams FW44 Mercedes a 1 volta
19.º Yuki Tsunoda Alpha Tauri AT03 Honda a 2 voltas

CLASSIFICAÇÕES DOS CAMPEONATOS

PILOTOS – 1.º, Max Verstappen, 258 pontos; 2.º, Charles Leclerc, 178; 3.º, Sergio Perez, 173; 4.º, George Russell, 158; 5.º, Carlos Sainz, 156; 6.º, Lewis Hamilton, 146; 7.º, Lando Norris, 76; 8.º, Esteban Ocon, 58; 9.º, Valtteri Bottas, 46; 10.º, Fernando Alonso, 41; 11.º, Kevin Magnussen, 22; 12.º, Daniel Riccardo, 19; 13.º, Pierre Gasly, 16; 14.º, Sebastian Vettel, 16; 15.º, Mick Schumacher, 12; 16.º, Yuki Tsunoda, 11; 17.º, Guaynu Zhou, 5; 18.º, Lance Stroll, 4; 19.º, Alexander Albon, 3

CONSTRUTORES – 1.º, Oracle Red Bull Racing, 431 pontos; 2.º, Scuderia Ferrari, 334; 3.º, Mercedes-AMG Petronas F1 Team, 304; 4.º, BWT Alpine F1 Team 99; 5.º, McLaren F1 Team, 95; 6.º, Alfa Romeo F1 Team Orlen, 51; 7.º, Haas F1 Team, 34; 8.º, Scuderia AlphaTauri, 27; 9.º, Aston Martin Racing, 20; 10.º, Williams Racing, 3

Próxima prova – Rolex Belgian Grand Prix, dia 28 de Agosto, no Circuit de Spa-Francorchamps.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.