Ogier salta para a liderança no Rali do México

Piloto da Toyota Gazoo Racing ultrapassou Thierry Neuville após as especiais desta madrugada, marcada pelo incidente do finlandês Esapekka Lappi que viu o Ford Fiesta WRC consumido pelas chamas no mítico El Chocolate, com 31 quilómetros cronometrados.

(auto.look2010@gmail.com)

Sébastien Ogier e Julien Ingrassia (Toyota Yaris WRC) terminaram esta madrugada na liderança do Rali do México, terceira prova do Mundial de Ralis, capitalizando a posição de saída para a estrada. O piloto francês tem encontrado as pistas mexicanas limpas de gravilha, pois parte atrás dos belgas Thierry Neuville e Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupe WRC) e dos galeses Elfyn Evans e Scott Martin (Toyota Yaris WRC), líderes do campeonato à partida desta prova.

Sébastien Ogier concluiu as nove especiais com o tempo de 1h23m09,2s e 13,2 segundos de vantagem sobre o finlandês Teemu Suninen (Ford Fiesta WRC), que é segundo, e 33,2 segundos sobre o seu companheiro de equipa na Toyota Gazoo Racing, Elfyn Evans, que fecha os lugares do pódio.

O dia ficou ainda marcado pelo incidente do finlandês Esapekka Lappi (Ford Fiesta WRC) que, juntamente com o navegador e compatriota Janne Ferme, escapou ileso de um incêndio que consumiu a sua viatura no final da sétima especial da prova, o mítico El Chocolate, com 31 quilómetros cronometrados.

O atraso provocado levou a organização a cancelar o troço seguinte. Para trás já tinha ficado os estónios Ott Tänak e Martin Jarveöja (Hyundai i20 Coupe WRC), campeões mundiais em título, que tinham sido os primeiros a capitalizar a posição em prova antes de uma ligeira saída de estrada lhe ter custado cerca de um minuto de atraso.

O seu companheiro de equipa, o espanhol Dani Sordo, navegado pelo compatriota Carlos del Barrio, perdeu quase seis minutos quando o radiador do seu Hyundai i20 Coupe WRC se soltou enquanto Thierry Neuville sofreu um problema eléctrico e foi forçado a abandonar. O belga espera regressar este sábado, ainda que com uma forte penalização.

O finlandês Kalle Rovanpera, navegado por Jonne Halttunen, voltou a impressionar, vencendo a derradeira especial do dia, uma super-especial com 750 metros desenhada na cidade de León, e ocupa a quinta posição da geral, 2,3 segundos atrás de Ott Tänak, que é quarto. O campeão em título está a apenas dois décimos de segundo do terceiro lugar, mas já a 33,4 segundos do líder da prova.

Para este sábado estão previstas mais nove especiais, com um total de 133,74 quilómetros cronometrados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: