Ogier lidera, Loeb é 4.º e Tänak de fora

Após cinco especiais disputadas, o francês Sébastien Ogier (Toyota Yaris WRC) é o novo líder, por troca com o compatriota Sébastien Loeb (Hyundai i20 Coupe WRC), que caiu de primeiro para quarto esta manhã. Ott Tänak abandonou logo de manhã.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

A primeira passagem pelos 31,79 km da especial de Yesilbelde, a primeira das três classificativas do dia, provocou nova mudança de comandante, com o francês Sébastien Ogier (Toyota Yaris WRC) a desalojar o seu compatriota Sébastien Loeb (Hyundai i20 Coupé WRC) do comando, posição que manteve até ao regresso ao Parque de Assistência, para reparação dos estragos, antes do regresso à estrada.

Na mesma classificativa, o belga Thierry Neuville (Hyundai i20 Coupé WRC) ascendeu ao segundo lugar e terminou a manhã a escasso 1,6” do piloto da marca japonesa, com o inglês Elfyn Evans (Toyota Yaris WRC) a ocupar, por enquanto, o terceiro lugar do pódio, à frente de Sébastien Loeb, que lamentou a má escolha de pneus.

Esta especial liquidou as aspirações do estónio Ott Tanak (Hyundai i20 Coupé WRC) forçado a abandonar com a direcção partida e como consequência o polaco Kajetan Kajetanowicz (Skoda Fabia R5 Evo), que comanda entre os RC2, com 10,2” de avanço sobre o francês Adrien Fourmaux (Ford Fiesta Rally 2), passou a fechar o lote dos 10 primeiros.

O campeão mundial de ralis, o estónio Ott Tänak, abandonou numa altura em que era sétimo classificado: «Tivemos problemas na direcção, mas ainda não sabemos o que é. O carro ficou no meio da especial. Não houve qualquer aviso, aconteceu de repente», explicou o campeão mundial, que é forçado a desistir pela segunda vez este ano.

Ainda assim, Ott Tänak espera regressar à prova turca amanhã, domingo, para tentar pontuar na “Power Stage”, a derradeira especial, que distribui cinco pontos pelos cinco mais rápidos. Quanto à luta pelo título, o estónio foi taxativo, em declarações prestadas ao site oficial do campeonato do mundo: «Não é uma situação positiva pelo que não há muito a comentar«, concluiu.

Classificação após cinco especiais

1.º Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Toyota Yaris WRC), 57’52,4”

2.º Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupé WRC), a 1,6”

3.º Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota Yaris WRC), a 12,3”

4.º Sébastien Loeb/Daniel Elena (Hyundai i20 Coupé WRC), a 21,7”

5.º Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Toyota Yaris WRC), a 25,4”

6.º Teemu Suninen/Jarmo Lehtinen (Ford Fiesta WRC), a 54,1”

7.º Esapekka Lappi/Janne Ferm (Ford Fiesta WRC), a 1 ’23,1”

8.º Gus Greensmith/Elliott Edmondson (Ford Fiesta WRC), a 1’47,5”

9.º Pierre-Louis Loubet/Vincent Landais (Hyundai i20 Coupé WRC), a 2’27,1”

10.º Kajetan Kajetanowicz/Maciej Szczepaniak (Skoda Fabia R5 Evo), a 3’39,6” (1.º RC2).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: