NJ Racing pronta para o combate

A equipa sediada em Peso da Régua parte para a época 2020 com ambição redobrada. Aumentou de três para quatro o número de pilotos que defenderão as suas cores no Campeonato de Portugal de Montanha JC Group, dando-lhe ainda maior “poder de fogo”.

(auto.look2010@gmail.com)

Nos protótipos, a NJ Racing aposta em Nuno Guimarães e António Rodrigues. Para o primeiro, que é o capitão de equipa, esta é uma época de grandes mudanças. Trocou o seu BRC por um mais competitivo Silver Car S2 e, como tal, parte para o campeonato mais ambicioso.

«Estou ansioso que comece a época. Foi ambicioso o investimento feito na aquisição do Silver Car S2 e estou pronto para a necessária adaptação a uma máquina bem mais competitiva do que a que tinha», disse Nuno Guimarães que aponta «lutar por objectivos mais altos». «Não mudei de carro para me contentar com o nível de resultados que tinha, mesmo tendo sido sempre muito bons. Agora quero trabalhar para lutar pelos pódios», sustentou.

António Rodrigues é a “aquisição” para a nova época da NJ Racing. O piloto, que se estreou na montanha em 2019, tendo então competido em Santa Marta, com um Mitsubishi EVO VI e em Boticas, com o Silver Car EVO 05 que agora será a sua “montada” para uma época inteira no campeonato.

O piloto encara esta época como «de aprendizagem, pois é pouca a minha experiência e o protótipo que conduzo exige muito de nós, tendo de ser feita uma adaptação que leva o seu tempo». Mesmo assim, António Rodrigues parte «confiante, pois as provas que fiz em 2019 foram muito animadoras quanto à minha capacidade». «Quero, com cautela, ir evoluindo e lutar por um lugar permanente no TOP10», afirmou, expressando ainda a sua enorme «felicidade por fazer da NJ Racing». «É uma fantástica equipa, onde já tinha muitos amigos e vou dar tudo para merecer a confiança que em mim depositam».

Também na categoria Turismos, a NJ Racing apresenta-se com um par de pilotos. João Guimarães, em Peugeot 206 RC e Nuno Pinto, num Mazda MX5, renovam com a equipa e com os objectivos, com a particularidade de serem colegas de equipa e adversários directos na luta pela primazia no seu grupo.

João Guimarães sente-se «entusiasmado por mais uma época a competir e, sobretudo, por ver a nossa equipa a elevar o patamar dos meios logísticos e da capacidade de comunicação, como tanto merecem os nossos patrocinadores» e, em termos desportivos, destaca precisamente «a luta que vou ter no meu grupo com o meu «irmão de armas Nuno Pinto, a exemplo do que sucedeu em 2019». Espera que «apareçam ainda mais pilotos num campeonato que está cada vez mais forte».

Nuno Pinto afina pelo mesmo diapasão, ao salientar «ser muito engraçado ter no meu grande amigo e colega de equipa João Guimarães, o meu grande adversário na luta pela vitória no grupo». «A exemplo do que sucedeu em 2019, vamos dar tudo e que ganhe o melhor».

Nuno Pinto parte para a época limitado, pois ainda está a recuperar de uma lesão, mas tem esperanças «em recuperar totalmente, esperando que este problema não me afecte ao longo do ano».

A chuva fez-se sentir, mas nem por isso impediu casa cheia na apresentação da NJ Racing. Entidades, patrocinadores, pilotos e amigos vieram aplaudir e dar força para uma época que se inicia já no próximo fim-de-semana, com a Rampa Porca de Murça. A manhã de sábado será reservada às verificações técnicas. À tarde, decorrerá a sessão inaugural de “warm-up”, duas subidas oficiais de treinos e a primeira de prova.

A manhã de domingo arranca com nova sessão de “warm-up”, seguida de mais uma subida oficial de treinos, que antecederá as duas subidas de prova finais.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação