Nissan lança carregador rápido em toda a Europa

A Nissan associa-se aos principais fornecedores de carregamento de VE, Allego e E.ON, para fornecer aos clientes uma oferta abrangente de tecnologia de carregamento rápido. O lançamento chega aos concessionários da marca em 18 países do Velho Continente.

(auto.look2010@gmail.com)

Reforçando o seu compromisso com a mobilidade eléctrica e a criação de uma sociedade neutra em carbono, a Nissan anuncia uma parceria com os principais fornecedores europeus de carregamento VE, Allego e E.ON, para actualizar e aumentar a oferta de carga rápida oferecida pela extensa rede de concessionários europeus da Nissan.

A nova parceria estratégica é o mais recente exemplo dos esforços da Nissan para acelerar a transição para a electrificação total, trabalhando com o apoio da sua rede europeia de concessionários, para expandir a infraestrutura de carregamento rápido para os proprietários de VE num total de 18 mercados da região, com o objectivo de ter 70% da rede coberta até 2024.

Utilizando as infraestruturas avançadas fornecidas pela Allego e pela E.ON, esta nova iniciativa da Nissan contará com duas unidades de carregamento rápido combinadas de 50 kW CCS e CHAdeMO instaladas nos concessionários Nissan para beneficiar os seus milhares de clientes europeus.

Os utilizadores da aplicação Nissan Charge* ou dos serviços de carregamento público Plugsurfing em vários mercados europeus poderão usufruir dos benefícios desta rede expandida, permitindo o acesso aos pontos de carregamento disponíveis nos concessionários da Nissan participantes.

«Desde o lançamento do primeiro automóvel elétrico de mercado de massas do mundo, o LEAF, em 2010, a Nissan tem-se comprometido continuamente para tornar os benefícios da mobilidade elétrica acessíveis aos condutores todos os dias», disse Jean-Philippe Roux, vice-presidente de Desenvolvimento de Rede e Serviço de Clientes da Nissan AMIEO.

Liderando o caminho para uma nova era de automóveis elétricos da Nissan, o crossover coupé ARIYA e o furgão Townstar estão equipados com a mais recente tecnologia de motorização e carregamento, com ambas as capacidades de carregamento rápido CCS para atender às necessidades dos clientes, seja para uso diário, privado ou comercial.

«À medida que avançamos para um novo capítulo para uma gama de automóveis totalmente eléctricos da Nissan com o inovador e versátil crossover coupé ARIYA, o nosso plano abrangente de expansão da infraestrutura de carregamento em parceria com a Allego e a E.ON é mais uma evidência do nosso continuado compromisso com a mobilidade elétrica», continuou Jean-Philippe Roux.

«Estamos entusiasmados com a parceria com a Nissan para melhorar a rede existente na Europa de postos de carregamento eléctrico. A parceria da Allego com um fabricante de automóveis como a Nissan atesta a nossa posição de liderança no mercado europeu de carregamento e demonstra que a eletrificação já não é um conceito abstrato, mas uma solução a longo prazo para uma das questões mais prementes que o nosso mundo enfrenta: as alterações climáticas», disse Mathieu Bonnet, CEO da Allego.

«A cooperação com a Nissan é um excelente exemplo de como podemos trabalhar em conjunto, em parcerias intersectoriais, para descarbonizar. Para atingir os objetivos climáticos de Paris, a mobilidade elétrica tem de chegar ao centro da sociedade de uma vez por todas. A expansão e desenvolvimento de uma infraestrutura de carregamento sem entraves é uma prioridade máxima», disse, por seu turno, Mathias Wiecher, presidente sénior da E.ON.

No âmbito da Nissan Ambition 2030, a visão de longo prazo da empresa para capacitar a mobilidade e não só, para os próximos 10 anos, a Nissan vai acelerar os seus planos de eletrificação e lançar 23 novos modelos eletrificados, incluindo 15 novos automóveis totalmente elétricos, visando um grau de eletrificação de 50% a nível global até ao ano fiscal de 2030.

Além disso e trabalhando para um mundo mais limpo, seguro e mais inclusivo, a Nissan introduzirá as baterias de estado sólido (ASSB) no ano fiscal de 2028, o que permitirá alcançar a paridade de custos entre os veículos eléctricos e a gasolina no futuro.

Alargando os seus esforços para alcançar um futuro mais sustentável mais além da sua gama de veículos, a Nissan anunciou também um hub VE de mais de mil milhões de euros baseado na sua fábrica em Sunderland, no Reino Unido.

Este ecossistema inovador de produção de VEs estabelece o projecto para o futuro da indústria automóvel, integrando automóveis elétricos, energias renováveis e produção de baterias.

* Ainda não disponível em Portugal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.