Nasser Al-Attiyah confirma natural favoritismo

Nasser Al-Attiyah (automóveis) e Daniel Sanders (motos) são os primeiros líderes da 44.ª edição do Rali Dakar. O barcelense Joaquim Rodrigues Jr. (Hero) foi o melhor dos portugueses, ao terminar na 11.ª posição, a 3m05s do australiano.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Numa confirmação do favoritismo que a si próprio atribui, muito por força do facto da Audi fazer a estreia na prova, o qatari Nasser Al-Attiyah (Toyota GR DKR Hilux) é o primeiro comandante do “Dakar” nos automóveis, depois de ter sido o mais rápido nos 19 km do SS que abriu as hostilidades.

O espanhol Carlos Sainz (Audi RS Q e-tron) registou o segundo tempo a 12 segundos do piloto da Toyota e mostrou que os carros da marca de Ingolstad, apesar de terem o seu baptismo de fogo, podem discutir a vitória.

Dois sul-africanos Brian Baranganath (Century CR6) e Henk Lategan (Toyota GR DKR Hilux) a ocuparem as posições seguintes, com o francês Sébastien Loeb (Provrive Hunter) a fechar o lote dos cinco primeiros.

Dos portugueses, Filipe Palmeiro, que navega o lituano Benediktas Vanagas (Toyota Hilux), foi o melhor (22.º), 14 posições à frente de Paulo Fiúza, que acompanha outro lituano, Vaidotas Zala (Mini John Cooper Works Rally).

Mau começo para a única dupla portuguesa, Miguel Barbosa/Pedro Velosa (Toyota Hilux Overdrive), que perdeu quase 25 minutos para Nasser Al-Attiyah o que indica que algo aconteceu.

Nas duas rodas o australiano Daniel Sanders (GasGas) foi o mais rápido, ao bater por um minuto o chileno Pablo Quintanilla (Honda), com o botswano Ross Branch (Yamaha) a registar o terceiro tempo.

Boa estreia dos pilotos portugueses, com três deles a conseguirem colocar-se no “top 30”, com Joaquim Rodrigues (Hero), 11.º, a ser o mais rápido à frente de Rui Gonçalves (Sherco), 22.º, e de António Maio (Yamaha), 30.º.

Mas o melhor resultado absoluto dos portugueses aconteceu nos SSV, dominado pelso polacos Marek Gozcal (BRP CAN-AM Maverick XRS) e Michal Gozcal (BRP CAN-AM Maverick XRS), que terminaram separados por 14”, à frente do brasileiro Rodrigo Luppi de Oliveira (BRP CAN-AM Maverick XRS), com Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a terminarem o SS em oitavo lugar, 27 posições à fremte de Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XRS).

Classificações

Motos – 1.º, Daniel Sanders (GasGas); 2.º, Pablo Quintanilla (Honda), a 1’00”; 3.º, Ross Branch (Yamaha), a 1’55”; 4.º, Kevin Benavides (KTM), a 2’00”; 5.º, Matthias Walkner (KTM), a 2’35”; 6.º, Adrien Van Beveren (Yamaha), a 2’40”; 7.º, Sam Sunderland (GasGas),a 2’55”; 8.º, Toby Price (KTM), a 2’55”; 9.º, Joan Barreda Bort (Honda), a 3’00”; 10.º, Andrew Short (Yamaha), a 3’00”; 11.º, Joaquim Rodrigues (Hero), a 3’05”; …; 22.º, Rui Gonçalves (Sherco), a 7’00”; …; 30.º, António Maio (Yamaha), a 10,45”; …; 56.º, Mário Patrão (KTM), a 17’15”; …; 86.º, Alexandre Azinhais (KTM), a 25’30”; …; 97.º, Arcélio Couto (Honda), a 27’50”; …; 113.º, Pedro Bianchi Prata (Honda), a 31’20”

Automóveis – 1.º Nasser Al-Attuyah/Mathias Baumel (Toyota GR DKR Hilux), 10’56”; 2.º, Carlos Sainz/Lucas Cruz (Audi RS Q e-tron), a 12”; 3.º, Brian Baragwanath/Leonard Cremer (Century CR6), a 36”; 4.º, Henk Lategan/Briett Cummings (Toyota GR DKR Hilux), a 36”; 5.º, Sébastien Loeb/Fabian Lurquin (Prodrive Hunter), a 37”; 6.º, Yazeed Al Rahji/Michael Orr (Toyota Hilux Overdrive), a 46”; 7.º, Nani Roma/Alex Haro (Prodrive Hunter), a 49”; 8.º, Giniel De Villiers/Dennis Murphy (Toyota GR DKR Hilux), a 50”: 9.º, Jakub Przygonski/Timo Gottschalk (Mini John Cooper Works Buggy), a 1’01”; 10.º, Orlando Terranova/Daniel Oliveras (Prodrive Hunter), a 1’06”; …; 22.º, Benediktas Vanagas/Filipe Palmeiro (Toyota Hilux), a 1’31”; …; 36.º, Vaidotas Zala/Paulo Fiuza (Mini John Cooper Works Rally), a 2’13”; …; 80.º, Miguel Barbosa/Pedro Velosa (Toyota Hilux Overdrive), a 24’41”

SSV – 1.º, Marek Goczal/Lukasz Laskawiec (BRP CAN-AM Maverick XRS), 13’22”; 2.º, Michal Gozcal/Szymin Gospodarczyk (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 14”; 3.º, Rodrigo Luppi de Oliveira/Maykel Justo (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 18”; 4.º, Austin Jones/Gustavo Gugelmin (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 36”; 5.º, Aron Domzala/Maciej Martin (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 45”; …; 8.º, Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a 1’09”; …; 35.º, Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XDS) a 4’09”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *