Nacional de Velocidade de visita a Portimão

Duas semanas após a primeira passagem pela “Montanha Russa” o Campeonato Nacional de Velocidade está de volta ao Autódromo Internacional do Algarve.

(auto.look2010@gmail.com)

Martim Marco lidera a categoria Promo3 e assume favoritismo no Algarve

Este sábado e domingo a caravana enfrenta uma ronda que promete ser bastante animada e onde pode mesmo ser encontrado o primeiro campeão 2021. Esse título diz respeito á classe Supersport 300, a única classe que enfrenta a penúltima prova – realizaram ronda dupla aquando do mundial Superbike no Estoril – e onde matematicamente o ceptro está ainda ao alcance de cinco pilotos.

Tomás Alonso lidera face a Dinis Borges e, se for o primeiro a ver a bandeira de xadrez no próximo domingo, ficará com mais de 25 pontos de vantagem sobre o segundo classificado e levará de imediato para casa a renovação do ceptro.

Mas não é apenas Dinis Borges que pode incomodar Tomás Alonso, pois também Rafael Damásio está na luta “contabilística”, pois os 32 pontos de diferença para o topo da tabela deixa tarefa mais complicada ao piloto de Tires.

Um pouco mais longe, a 46 pontos do comandante, está uma dupla de pilotos, Madalena Simões e Martim Jesus, ambos já com presença em pódios nesta temporada, mas para os quais segurar aspirações quanto ao título é um exercício complicado.

Muito provavelmente a questão do ceptro nas 300 será assunto para ser resolvido na terceira passagem pelo Estoril, o mesmo se passando nas restantes categorias. Nas Superbike Romeu Leite assumiu o comando na primeira visita ao Autódromo Internacional do Algarve e tentará manter vantagem face a um regressado Ivo Lopes, o campeão nacional, que depois de ausente na prova anterior volta a um traçado onde habitualmente é demolidor para os adversários. Tiago Cleto e Tiago Morgado irão certamente lutar pela terceira posição.

Líder nas Superstock 600 o algarvio Vasco Esturrado quer dilatar os onze pontos de margem face a Ricardo Silva, com Pedro Fragoso a procurar reeditar as vitórias da primeira visita ao circuito.

Nas Pré-Moto 3 é Gonçalo Ribeiro quem lidera, o mesmo se passando com o “foguete de Antanhol”, o conimbricense Martim Marco nas Promo3, jovem piloto que nunca deita a “toalha ao chão” e, por isso, é um nome a ter em linha de conta para ser o primeiro ver a bandeira de xadrez.

Afonso Almeida irá tentar a terceira vitória do ano nas Moto4 mas nas Moto5 a luta promete ser bem intensa pois Gonçalo Capote e Lourenço Vicente estão separados por apenas 4 pontos e Alexandre Cabá está igualmente por perto na terceira posição.

Aos campeonatos nacionais junta-se ainda a constante animação nos diversos troféus e teremos certamente mais uma grande ronda de CNV, novamente no asfalto do mundialista circuito algarvio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *