MotoGP com prolongamento no Qatar

Após a jornada inaugural de MotoGP a semana passada no Circuito Internacional de Losail, no Qatar, pilotos e máquinas voltam a acelerar este fim-de-semana no mesmo traçado, com particular incidência para a prestação de Miguel Oliveira.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Uma semana depois do arranque do “Mundial” de MotoGP, no Losail International Circuit, no Qatar, o campeonato prossegue no mesmo traçado, com pilotos e equipas a puderem tirar partido dos ensinamentos colhidos, no passado fim-de-semana, para melhorarem os respectivos desempenhos.

É o que sucede com o português Miguel Oliveira (KTM), 13.º na prova de abertura e melhor dos pilotos da marca austríaca, que considera que «com o pneu duro somos competitivos, como se viu no terceiro e quarto treinos livres, mas com o pneu macio isso já não sucede, por ser impossível gerir o desgaste. Mas cá estaremos para aproveitar os dados recolhidos e fazer melhor».

O espanhol Maverick Viñales (Yamaha), MotoGP, o inglês Sam Lowes (Kalex), Moto2, e o espanhol Jaume Masia (KTM), Moto3, entram, pela segunda vez, no Losail International Circuit para defenderem o comando dos respectivos campeonatos, depois dos triunfos alcançados no passado domingo, com o inglês a ser aquele que teve a vitória mais tranquila, dominando, de forma clara na concorrência.

Dominadora nos treinos e na fase inicial da corrida de MotoGP, a Ducati vai querer “vingar” a derrota sofrida, com a Honda e KTM a terem de melhorar o seu desempenho, que ficou longe das expectativas esperadas.

E se em Moto2, Sam Lowes tem de ser apontado como favorito, já em Moto3 tudo poderá acontecer, como o demonstra o facto de, na corrida de domingo, os sete primeiros terem ficado separados por menos de um segundo.

Contudo, as condições atmosféricas podem “baralhar” as contas, caso a areia invada o asfalto qatari, como tantas vezes sucede.

CLASSIFICAÇÕES DOS CAMPEONATOS

PILOTOS

MotoGP – 1.º, Maverick Viñales, 25 pontos; 2.º, Johann Zarco, 20; 3.º, Francesco Bagnaia (Ducati), 16; 4.º, Joan Mir, 13; 5.º, Fábio Quartararo, 11; 6.º, Alex Rins, 10; 7.º, Aleix Espargaro, 9; 8.º, Pol Espargaro, 8; 9.º, Jack Miller, 7; 10.º, Enea Bastianini (Ducati), 6; …; 13.º, Miguel Oliveira, 3. Estão classificados mais dois pilotos

Moto2 – 1.º, Sam Lowes, 25 pontos; 2.º, Remy Gardner, 20; 3.º, Fábio Di Giannantonio, 16; 4.º, Marco Bezzecchi, 13; 5.º, Raul Fernandez, 11; 6.º, Joe Roberts, 10; 7.º, Jake Dixon, 9; 8.º, Marcel Schrotter, 8; 9.º, Bo Bendsneyder, 7; 10.º, Jorge Navarro, 6. Estão classificados mais cinco pilotos

Moto3 – 1.º, Jaume Masiam 25 pontos; 2.º, Pedro Acosta, 20; 3.º, Darryn Binder, 16; 4.º, Sérgio Garcia (Gas Gas), 13; 5.º, Gabriel Rodrigo, 11; 6.º, Nicolò Antonelli, 10; 7.º, Izan Guevara, 9; 8.º, Tatsuki Suzuki, 8; 9.º, Kaito Toba, 7; 10.º, Jason Dupasquier, 6. Estão classificados mais cinco pilotos.

CONSTRUTORES

MotoGP – 1.º, Yamaha, 25 pontos; 2.º, Ducati, 20; 3.º, Suzuki, 13; 4.º, Aprilia, 9; 5.º, Honda, 8; 6.º, KTM, 3

Moto2 – 1.º, Kalex, 25 pontos; 2.º, Boscoscuro, 6

Moto3 – 1.º KTM, 25 pontos; 2.º, Honda, 16; 3.º, Gasgas, 13; 4.º, Husqvarna, 5

EQUIPAS

MotoGP – 1.º, Monster Energy Yamaha MotoGP, 36 pontos; 2.º, Ducati Lenovo Team, 23; 3.º, Team Suzuki Ecstar, 23; 4.º, Pramac Racing, 21; 5.º, Repsol Honda Team, 13; 6.º, Aprilia Racing Team Gresini, 9; 7.º, Esponsorama Racing, 6; 8.º, Red Bull KTM Factory Racing, 5; 8.º, Petronas Yamaha SRT, 4

Moto2 – 1.º, Red Bull KTM Ajo, 31 pontos; 2.º, ELF Marc VDS Racing Team, 27; 3.º, Sky Racing Team VR46, 17; 4.º, Federal Oil Gresini Moto2, 16; 5.º, Italtrans Racing Team, 10; 6.º, Petronas Sprinta Racing, 9; 7.º, Liqui Moly Intact GP; 8; 8.º, Pertamina Mandalika SAG Team, 8; 9.º, MB Conveyors Speed Up, 6; 10.º, American Racing, 5; 11.º, Inde Aspar Team, 3.

Moto3 – 1.º, Red Bull KTM Ajo, 45 pontos; 2.º, Gasgas Gaivota Aspar, 22; 3.º Petronas Sprinta Racing, 16; 4.º, Avintia Esponsorama Moto3, 14; 5.º, Indonesian Racing Gresini Moto3, 11; 6.º, SIC58 Squadra Corse, 8; 7.º, CIP Green Power, 8; 8.º, Carexpert Pruestel GP, 8; 8.º, Steril Garda Max Racing Team, 5; 9.º, Rivacold Snipers Team, 3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *